Líder do governo RF na Assembleia Legislativa já foi “escolhido”
   25 de março de 2019   │     21:12  │  0

O nome deve ser formalizado nos próximos dias, sem surpresas. O líder do governo de Renan Filho na Assembleia Legislativa de Alagoas deve ser mesmo o deputado estadual Sílvio Camelo (PV);

Um dos mais ativos defensores do governo no plenário da Casa dese o início da atual legislatura, o deputado do Partido Verde tem trabalhado para fazer a ponte entre o Executivo e o Legislativo.

Sondado pelo Palácio dos Palmares, Camelo avisou que topa fazer o papel de encaminhamento das matérias do governo no plenário, desde que conte com o apoio da bancada do governo.

A articulação política, no entanto, deve seguir na responsabilidade do governador e sua equipe. Em outras palavras, caberá ao governo a definição de sua própria bancada na Casa, o que só deve ocorrer após a nomeação de cargos de comissão indicado pelos parlamentares, que deve ocorrer a partir da próxima semana.

O deputado estadual Marcelo Victor (SD), presidente da ALE, também terá papel importante no processo. Vai ajudar principalmente no campo institucional.

COMENTÁRIOS 0

PP decide atuar em bloco independente na Assembleia Legislativa de AL
     │     19:17  │  0

Com a segunda maior bancada da Casa de Tavares Bastos (quatro deputados, mesmo número do PRTB), o PP vai atuar na base do “todos por um e um por todos”.

Os deputados pepistas (Léo Loureiro, Davi Davino Filho, Tarcizo Freire e Ângela Garrote) decidiram que a atuação da bancada será em bloco.

A informação foi antecipada em texto da assessoria do líder do partido na Casa, Léo Loureiro (Veja abaixo).

O deputado Davi Filho, avalia que a atuação em bloco fortalece o partido: “para aprovar um projeto, para fazer uma solicitação, até mesmo não relação politica dentro da Assembleia Legislativa o grupo fica muito mais forte se a atuação for conjunta. O peso é bem maior”, aponta.

A atuação em bloco também vale para o relacionamento com o governo de Renan Filho. “Não faremos oposição por oposição. Decidimos que nossa atuação será independente. Os bons projetos, que forem de interesse da população, terão nosso apoio. Mas também teremos liberdade para divergir quando o entendimento for diferente”, pondera.

Versão oficial

Veja texto enviado pela assessoria do PP

Bancada do PP está unida na Assembleia Legislativa em busca de melhorias para os alagoanos.

Liderada pelo deputado Léo Loureiro e prezando a união entre os membros, a bancada do Partido Progressista (PP) é a segunda maior na Assembleia Legislativa do Estado de Alagoas, tendo como membros os deputados: Angela Garrote, Davi Davino e Tarcizo Freire, que juntos com o líder Léo Loureiro, visam melhorias em prol dos alagoanos.

“Podemos dizer que nossa bancada aqui na Casa de Tavares Bastos engloba todos os segmentos. Unidos, lutaremos juntos por acessibilidade, educação, saúde, inclusão social e principalmente pelos direitos do povo alagoano.” Afirmou o líder do PP, deputado Léo Loureiro.

“Para mim, é motivo de muita alegria ser líder de um partido que cresce unido aqui em Alagoas. Assim como os meus colegas do PP aqui na Assembleia Legislativa, entrei na política para fazer diferença na vida das pessoas e não tenho dúvida que no PP vou conseguir defender o interesses da população, afinal, somos um partido de pessoas trabalhadoras com o mesmo compromisso: fazer Alagoas crescer”, finalizou Léo Loureiro.

COMENTÁRIOS 0

RF deve anunciar “novo” chefe da Casa Civil e mais 2 secretários esta semana
     │     0:57  │  0

A primeira fase de “mudanças pontuais” no segundo governo de Renan Filho deve ser encerrada esta semana com o anúncio do “novo” chefe da Casa Civil e ao menos outros dois secretários.

As pastas que devem ganhar titulares esta semana estão ocupadas por interinos: Assistência e Desenvolvimento Social (Seades) e Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh).

Na Seades, como antecipado aqui a indicação deve ficar como deputado federal Marx Beltrão (PSD). Na Semarh existem especulações sobre a possibilidade de uma indicação política, que seria feita pelo deputado federal Isnaldo Bulhões (MDB).

O emedebista, no entanto, não sinaliza com essa possibilidade e costuma dizer que, como é do mesmo partido do governador, tem participação em todo o governo e por isso não reivindicaria a indicação de uma Pasta.

O “novo” secretário da Casa Civil deve ser mesmo Fábio Farias, que já ocupou a Pasta no primeiro governo de Renan Filho. Ao que se sabe, ele já definiu o retorno com o governador. O que se espera é que ele ajude na articulação política, pavimentando o diálogo do Palácio dos Palmares com outros poderes, especialmente o Legislativo.

A volta de Farias ao Gabinete Civil teria sido definida em encontro com o governador na sexta-feira. A nomeação e a data da posse depende agora apenas de uma conversa de Renan Filho com o atual secretário da Pasta. Felipe Cordeiro deve continuar no governo, mas em outra área.

Segunda fase

As mudanças devem seguir no governo mesmo após o anúncio dos novos secretários. A próxima fase será de reestruturação política e administrativa – literalmente. O governo deve extinguir ou fundir algumas. Ainda não se sabe se as mudanças serão feitas através de Lei Delegada ou projeto de lei específico. Vai depender do “clima” entre Palácio dos Palmares e Casa de Tavares Bastos. Mas, esta é outra história.

COMENTÁRIOS 0

Marx Beltrão define retorno ao governo e vai indicar cargos
   24 de março de 2019   │     15:44  │  1

Coordenador da bancada de Alagoas no Congresso Nacional, o deputado federal Marx Beltrão conversou com o governador Renan Filho na última sexta-feira.

O encontro, segundo informações de bastidores, serviu para definir o “retorno” de Marx Beltrão á base do governo.

Na prática, o deputado nunca deixou o grupo pelo qual foi reeleito no ano passado. Apesar disso e mesmo tendo sido o mais votado da coligação, Marx Beltrão estava sem nenhuma participação no governo. Seus indicados foram exonerados da Casal e da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, no curso da reforma administrativa “pontual” de Renan Filho que ainda está em andamento.

O que Renan Filho e Marx Beltrão definiram, confirma um importante interlocutor palaciano, foi a indicação de uma Secretaria de “porteira fechada” por Marx Beltrão. Provavelmente a Assistência Social.

A boa relação com o ministro da Cidadania, Osmar Terra, pode ajudar o deputado a “turbinar” a Seades – Pasta que o governador pretende fortalece mais à frente com outras funções, para tentar convencer o próprio de Marx Beltrão a assumir seu comando, abrindo vaga para Ronaldo Lessa na Câmara Federal.

Marx Beltrão revelou a interlocutores que “está em diálogo como governador”. Cauteloso, ele tem dito que não pode dizer nada antes do governador “falar”.

As mudanças na equipe de Renan Filho não devem demorar. O nome a ser indicado por Marx será conhecido nas próximas horas. Não será surpresa se tiver Beltrão no sobrenome.

COMENTÁRIOS 1

Ministra do governo Bolsonaro fará visita a Alagoas na próxima semana
   23 de março de 2019   │     21:07  │  0

A ministra da Agricultura do governo de Jair Bolsonaro, Tereza Cristina, deve desembarcar em Alagoas na próxima sexta-feira.

Ela vem para conhecer modelos produtivos do Estado. A agenda está sendo montada com a ajuda do deputado federal Isnaldo Bulhões (MDB).

Com bom trânsito na bancada nacional do MDB, ocupando cargo na mesa diretora da Câmara dos Deputados, Isnaldo tem conseguido espaço não só no Ministério da Agricultura mas também em outras Pastas do governo federal.

Se depender da sugestão de Isnaldo, Tereza Cristina deve visitar o sertão e a zona da mata. A prioridade é apresentar à ministra experiência de agricultores familiares da cooperativa Pindorama e da região da bacia leiteira do Estado. “É fundamental que a ministra conheça a nossa realidade, que é bem diferente de outras regiões do País, o que poderá ajudar na formulação de políticas públicas voltadas para Alagoas e o Nordeste”, aponta.

COMENTÁRIOS 0