Receita de ICMS em Alagoas cai mais de 4% em maio
   2 de junho de 2012   │     2:58  │  1

O blog divulga com exclusividade os números da arrecadação própria do Estado em maio deste ano. Pela primeira vez nas duas gestões de Téo Vilela a receita própria ficou negativa.

A maior queda foi registrada com o ICMS.  No Mês passado foram arrecadados R$ 187,3 milhões.  A variação na comparação com maio de 2011 (R$ 196,4 milhões) ficou negativa em -4,62%.  Considerando a inflação do período, a variação real negativa passa dos 10%.

O IPVA, que vinha registrando desempenho melhor que o ICMS nos últimos meses, também caiu em maio. O valor arrecadado no mês ficou em R$ 13,3 milhões, recuando -1,36% ante o mesmo mês de 2011 (R$ 13,5 milhões).

A receita própria total do Estado (ICMS, IPVA e outras taxas) vinha registrando processo de desaceleração. O crescimento acumulado até abril ficou 8,5%, abaixo da estimativa do governo, que esperava uma média de 12%.  Em maio, a arrecadação própria total registrou sua primeira queda nominal do ano e ficou em R$ 219,9 milhões recuando -1,82% ante igual mês do ano anterior (-1,82%).

 E o décimo-terceiro, como fica?

Téo Vilela já tinha mandado os secretários apertarem os cintos – como registrou o blog.  Agora a situação se complicou um pouco mais. No mês em que a receita caiu o governo precisa pagar um aumento na folha de pessoal, que passou de R$ 173 milhões para  R$ 196 milhões (valor bruto).

Se a receita continuar caindo o governo terá que fazer um corte mais drástico nas despesas, rever contratações e, quem sabe , até reduzir cargos comissionados e  investimentos. Isso porque a continuar assim o governo enfrentará dificuldades para pagar o 13º salário do servidor.

Variação da receita em maio:

ICMS MAIO/2012 – R$ 187.332.700,06

ICMS MAIO/2011 – R$ 196.403.138,58

VAR: – 4,62%

 

IPVA MAIO/2012 – R$ 13.356.411,88

IPVA MAIO/2011 – R$ 13.539.920,85

VAR: – 1,36%

 

TOTAL MAIO/2012 – R$ 219.854.142,09

TOTAL MAIO/2011 – R$ 223.935.286,41

VAR: – 1,82%

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

Comments are closed.