Rosinha será candidata em chapa puro sangue, mas PTdoB ainda tenta aliança com PP
   22 de junho de 2012   │     15:45  │  1

O presidente do PTdoB em Alagoas trabalhou firme nas últimas semanas para tentar viabilizar uma coligação em torno da pré-candidata do partido a prefeitura de Maceió, a deputa federal Rosinha da Adefal.

Entre as alternativas que se tornaram mais conhecidas estão as composições com o PT, as conversas com Galba Novaes e Jeferson Moraes.

Nada deu certo. Agora Marco Toledo joga todas as fichas numa última opção que ele levou para uma conversa com Téo Vilela, no Palácio: Rosinha prefeita, com um vice do PP.

Ele próprio acha que é pouco provável. Mas possível. “Seria mais uma opção para o grupo do Palácio, que – viabilizada – amarraria um compromisso para o segundo turno”, aponta Toledo.

Fora disso não tem jogo com Jeferson, nem Rui, nem Ronaldo. Porque? “Porque Rosinha é pré-candidata a prefeita. Não existe chance de sair vice”, enfatiza.

Nesse caso, a opção, que sobra é uma chapa puro sangue. “Vamos concorrer com ou sem o apoio de outros partidos”, avisa Marcos.

Na pior da hipóteses ele acredita que Rosinha teria 2 minutos de TV e um discurso “limpo”, voltado para o social, sem “amarrações” com o governador ou o prefeito. “E no segundo turno vamos conversar, até porque nossa candidata tem grandes chances de passar para a segunda fase da eleição”, diz.

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

Comments are closed.