Indeferimento de Fátima em Rio largo foi erro jurídico, diz Ferrario
   6 de agosto de 2012   │     20:46  │  1

O advogado de Fátima Correia já recorreu da decisão juíza da 15ª Zona Eleitoral, Luciana Cavalcanti de Mello Sampaio, que indeferiu o registro da atual prefeita e candidata à reeleição em Rio Largo.

O indeferimento, anunciando em primeira mão neste blog, aconteceu, explica Fábio Ferrario, por causa de um pedido do PSOL nacional.

“O indeferimento se deu, acredito, por um erro de interpretação.  O PSOL nacional proibiu a coligação do PSOL de Rio Largo com o PSD. O que a Justiça poderia ter feito, no meu entender, era determina a retirada da legenda da coligação e não indeferir a candidatura. Mesmo assim, o pedido do PSOL foi feito fora de tempo. Nesse caso, acredito, que o correto seria desconsiderar essa requisição”, explica.

De acordo com Fábio Ferrario não há nada de irregular com o registro de Fátima Correia. Ele já apresentou recurso na 15ª Zona eleitoral e espera que saia uma decisão ainda amanhã. Tenho plena convicção de que o registro será deferido e Fátima Correia poderá ser candidata sem nenhum obstáculo legal”, enfatiza.

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Alexandre Fernandes

    O Doutor Fabio diz duas coisas que são mais do que obvia.
    O indeferimento se deu, acredito!!!
    De acordo com Fábio Ferrario não há nada de irregular com o registro de Fátima Correia!!! Afinal, se ele disser diferente, que não acredita e que ha irregularidades, ele não seria advogado, alias, a doutora contratou o advogado mais caro de Alagoas, e eu pergunto? Com que dinheiro vai pagar?
    Masss, o que ninguem esta atentando, é que o Luiz Carlos, prefeito de fato, não assumiu cargos na administração pra não ficar inelegivel, e com certeza, foi quem armou pra deixar a sogra inelegivel. Não causara surpresa se o candidato for substituido pelo genrro traira. Esse rapaz vende até a mãe!!! Dificil é entregar, mas vende!

Comments are closed.