O fim de uma era: Diário Oficial vai deixar de circular – aos poucos – no papel
   8 de agosto de 2012   │     19:58  │  0

A imprensa oficial de Alagoas já tem mais de 100 anos e há mais de um século sua principal missão é a de editar,imprimir e fazer circular o Diário Oficial do Estado de Alagoas.

O jornal no formato tabloide circula, ainda hoje, com uma tiragem de mais de 1,5 mil exemplares que atende desde órgãos públicos estaduais (Executivo, Legislativo etc) até sociedade organizada que uma o jornal para publicar comunicados e editais.

Assim como ele é hoje o DO terá seus dias contados. Essa semana o governador Teotonio Vilela Filho sancionou a lei que cria o Diário Oficial Eletrônico. O DO já circulava na Internet há alguns anos, mas não tinha força de lei.

Com a nova lei, o DO eletrônico terá o mesmo valor do DO impresso. Com essa medida a Imprensa Oficial Graciliano Ramos deve reduzir, paulatinamente, a tiragem do jornal.

A expectativa, aponta o secretário do Gabinete Civil, Álvaro Machado, é que após os ajustes, apenas 50 exemplares sejam impressos por dia, para distribuição com bibliotecas e outras instituições que preservam a documentação.

O presidente da Imprensa Oficial, Moisés Aguiar, considera que a lei é um avanço e que veio para facilitar a vida de quem precisa do DO. “Em qualquer lugar que tenha internet e hoje tem internet em todo lugar, qualquer pessoa terá acesso ao DO, sem nenhum custo, podendo imprimir as páginas que desejar. Quem mora em Delmiro Gouveia, por exemplo, precisaria esperar um dia para ter acesso as informações do DO. Agora, essas informações serão disponibilizadas instantaneamente”, explica.

O DO vai continuar sendo editado no formato atual e, após diagramando, será digitalizado, aponta Moisés. Ele acredita também que a inovação trará economia para o Estado, que gasta R$ 2,64 para imprimir cada jornal e o vende para as bancas a R$ 1,12 (o custo para o consumidor é de R$ 1,50 – a diferença é a margem de comercialização) .

“A medida que a tiragem for reduzindo, iremos reduzindo também as perdas. Mas por enquanto vamos continuar imprimindo a exemplo do que faz outros países e outros estados que já adoram o DO eletrônico”, aponta Moisés.

A notícia sobre a criação do DO Eletrônico está na Agência Alagoas.  Confira no link:

http://www.agenciaalagoas.al.gov.br/noticias/governador-sanciona-lei-que-institui-diario-oficial-eletronico-em-alagoas