Ibama surpreende e aprova RIMA do estaleiro Eisa em tempo recorde
   18 de dezembro de 2012   │     17:43  │  10

Quem te viu, quem te vê. As analistas do Ibama levaram menos de uma semana para avaliar e aprovar as alterações no novo Relatório de Impacto Ambiental do estaleiro Eisa em Coruripe.

Ana Margarida Portugal e Elizabeth Eriko Uema, analistas ambiental, responsáveis pela avaliação do “Relatório de Impacto Ambiental” haviam publicado no, último dia 12, a Informação 51/2012, reprovando o estudo e pedindo sua reformulação.

Em documento publicado hoje, portanto seis dias depois, no site do Ibama (a informação 52/2012) as técnicas aceitaram as correções e, finalmente, aprovaram o Rima.

“Por fim, esta equipe considera o presente RIMA adequado e passível de distribuição desde que efetuadas as correções acima referidas, não sendo necessária nova análise. É a informação”, diz, na conclusão, o documento assinado or Renata Nogueira Lima, Analista Ambiental
e Elizabeth Eriko Uema, Analista Ambiental.

Agora fica faltando apenas a realização da audiência pública em Coruripe, o que deve ocorrer no começo do próximo ano – provavelmente em janeiro, no máximo fevereiro.

Em outras palavras, o Ibama dá claros sinais de que vai sim aprovar o licenciamento para construção do Eisa na nova área.

O documento com a aprovação do Rima você pode conferir no link a seguir:

http://edivaldojunior.blogsdagazetaweb.com/wp-content/uploads/sites/12/2012/12/rima-eisa-201223.pdf

As duas informações técnicas anteriores (negando o Rima) podem ser acessadas nos links a seguir:

http://edivaldojunior.blogsdagazetaweb.com/wp-content/uploads/sites/12/2012/12/rima-eisa-2012.pdf

http://edivaldojunior.blogsdagazetaweb.com/wp-content/uploads/sites/12/2012/12/rima-eisa-20122.pdf

Pedido de licença é para a área 5D, em Coruripe

O novo estudo de impacto ambiental prevê a implantação do estaleiro na área 5D, que segundo o Ibama apresenta como vantagens ser “ambiente livre de bosque de mangue; afastado do sistema estuarino do rio Coruripe; não demandaria intervenções tão impactantes na área terrestre”.

A principal desvantagem, segundo o órgão seria principalmente a “necessidade de obras de proteção devido à exposição à ação de ondas”.

Na informação 49, as analistas esclarecem que “se aceitou como novo local para a implantação do empreendimento a Alternativa 5D… induz o leitor a concluir por uma definição da área para implantação, quando se trata, na verdade, de um novo estudo de alternativa, que pode ou não ser viável”.

COMENTÁRIOS
10

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. BENIGNO

    Caro Edivaldo Júnior,
    Me explica uma coisa, esta ultima analise de impacto ambiental foi rigorosamente técnica? Ou houve alguma influência (pressão) política?
    É por essas e por outras, que eu acredito na má vontade do IBAMA em se tratando deste estaleiro em territorio alagoano. Vencemos mais uma etapa, mas não a guerra! Ainda existe muitos interesses a ser contráriados.

  2. Ctsc Cursos de Solda e Caldeiraria

    Bom dia pessoal, mais uma ótima noticia o estaleiro EISA vai sair e a TOMÉ começa agora em JANEIRO. Não percam a essa chance de ser um profissional de sucesso, faça seu curso profissionalizante de SOLDADOR INDUSTRIAL ou CALDEIREIRO as vagas são limitadas. Ligue 3317-0660 Alagoas é carente de profissional metalúrgico, vamos nos qualificar e crescer nosso estado.

  3. CARLOS AZEVEDO-MIAU

    VIVA O PROGRESSO DE ALAGOAS E CORURIPE,SABEMOS DOS PONTOS POSITIVOS E NEGATIVOS DE UM EMPREENDIMENTO DE GRANDE PORTE,MAS TEMOS QUE PENSAR NAS MILHARES DE PESSOAS EMPREGADAS E O DESENVOLVIMENTO DESSE ESTADO QUE É CAMPEÃO E VARIOS ASPECTOS ECONOMICOA TAIS COMO, VIOLENCIA,ANALFABETISMO ETC…

  4. ctsc cursos de solda e caldeiraria

    olha ai pessoal vamos da um credeto de confiança para nossos politico.alguins merese. a ctsc. escola de solda e coldeiraria esta situada na rua cobo reis no trapiche.au lado ,do estadio rei pele.prota e preparada para profisionalisa todos que queira mergulha an area metalujica ser un soldador ou caldeireiro no proximo ano alagoas tera dois canpo metalujico o estaleiro do cais do porto en maceio vamos ter ode coruripe vamos oumentar e brilha nosso curiculo com mais esperiencia ctsc esta prota escola com esperiencia mais de 3 anos no mercado proficionalisante.aus intereçado.fone 82 33170660 91063912

  5. Adriel Batista Correia de Melo

    Maceió,19/12/12

    Senhores.

    Também deveria ser construido um porto no sul de Alagoas.Aproveitando,deveria
    ser fundada uma empresa de navegação de cabotagem em Maceió,como está sendo
    em Fortaleza(CE).

    Cordialmente

    Adriel Batista Correia de Melo

  6. Marcos Peixoto e Silva

    Parabéns Pai Tony. Acertou na mosca. E bom,que desta vez foi uma previsão positiva pr o nosso estado. Tony Leopoldino, parabéns!!!!

  7. Maria da Paz

    Pois então. Mais uma previsão do Pai Tony Leopoldino que se cumpre, mesmo antes de acabar 2012. Ele disse:”O estaleiro será aprovado, será nosso”. Parabéns Pai Tony!

  8. Antonio Ferreira

    Ainda tenho minhas duvida sobre esse estaleiro esta chegando o ano politico eles estão querendo inludir os eleitores.gente vamos ter bastante cuidado com essas jogadas.

  9. ERONALDO

    Eu sou um deles que esta de olho nesses politicos, ficaram devendo ao povo desde de a 1º tentativa, quando a comitiva do governo foi a brasilia em busca do IESA. Um empreendimento como esse, politicagem tem que sai de lado.

  10. paulo

    ESPERAMOS AGORA UMA AÇAO CONJUNTA DOS SENADORES BIU DE LIRA, RENAN VALHEIROS E FERNANDO COLLOR. O POVO ESTA DE OLHO NOS POLITICOS. ALAGOAS NAO PODE PERDER ESSA CHANCE.

Comments are closed.