Subvenção da cana: Dilma a faz festa na casa de adversário
   21 de maio de 2013   │     12:47  │  1

Na segunda visita a Pernambuco, este ano, a presidente Dilma Rousseff foi a “dona da bola”. Ela participou de eventos na Arena Pernambuco, Porto de Suape e terminou o dia com um encontro com os produtores de cana do Nordeste.

O que seria um protesto foi na verdade uma grande festa para a presidente. Dilma foi recebida por centenas de agricultores na sede da Associação dos Fornecedores de Cana, em Recife, num ato em que o “dono da casa”, o governador Eduardo Campos (que pode ser seu adversário em 2014), foi um mero coadjuvante.

Ela questão de ir conversar diretamente com os produtores e disse que a subvenção, o maior sonho do setor, será uma política permanente do governo. “Podem ter certeza que o governo federal será parceiro dos senhores, será parceiro em todas as áreas”, disse a presidente.

Ao liberar a subvenção da cana-de-açúcar e a subvenção para o etanol o governo federal tira mais de 21 mil agricultores e 100 indústrias da agroindústria canavieira da beira do abismo.

O setor vai continuar em dificuldades. Mas a subvenção, que vai injetar mais de R$ 400 milhões no setor sucroalcooleiro do Nordeste, dá uma sobrevida a atividade canavieira, responsável por mais de 200 mil empregos diretos na região.

Ao estender a mão para os agricultores, em especial os produtores de cana, Dilma se fortalece na região e enfraquece a insatisfação num grupo que tinha tudo para apoiar a candidatura de Eduardo Campos a presidente.

Ao contrário da primeira visita deste ano, quando Dilma foi a Serra Talhada,PE, em março, e cutucou Eduardo Campos, o clima entre o governador de Pernambuco e a presidente foi ameno. Os dois trocaram elogios e falam de parcerias.

Com as eleições deixadas um pouco de lado quem ganhou politicamente foi a presidente, que consolidou parcerias e apoios com o setor produtivo da região sob os aplausos de um talvez futuro adversário.

Confira o discurso de Dilma Rousseff, na íntegra: http://www.afcp.com.br/?p=7825

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Pedro de França

    A gente vê algumas pessoas falarem mal do governo DILMA/LULA/PT, até aí tudo bem! Só não consigo entender porque eles não admitem que o governo LULA/DILMA/PT foi o melhor que o Brasil já teve e está tendo? Porque? Prejudicados eles não estão sendo, porque até os ricos estão gostando, assim como os pobres, então porque? Vou arriscar uma resposta: DEVEM SER PEQUENINOS BURGUESES, “POBRES BESTAS”, ACOSTUMADOS A BAJULAREM OS SENHORES DA CASA GRANDE, QUE MUITAS VEZES TÊM PARENTES POBRES, QUE EVITAM VISITAR. FICAM COM MEDO DE NÃO ACHAREM PORTAS PARA BATER. Parem com isso , se libertem, sigam a estrela, não tenham medo de serem felizes, se mesmo assim não conseguirem, rasguem com a unha!

Comments are closed.