É preciso ouvir a juventude, diz presidente do PT em AL
   18 de junho de 2013   │     20:38  │  3

Os políticos, os partidos e especialmente o PT precisam ouvir as vozes da rua.

Essa pelo menos é a avaliação do presidente do Partido dos Trabalhadores em Alagoas, Joaquim Brito.

“A juventude está na rua e nós precisamos ouvir os jovens. Essas manifestações não são contra a presidente Dilma Rousseff nem contra o PT. Os jovens têm reivindicações justas, que devem ser ouvidas e atendidas na medida do possível”, aponta Brito.

O diálogo já aberto no plano nacional pelo secretário geral da presidência da república, Gilberto Carvalho, é um indicativo de que o governo está no caminho certo, acredita Joaquim Brito: “quando a juventude quer, consegue. Os políticos, especialmente os petistas, precisam dialogar com os jovens, sem partidarizar o movimento, buscando atender seus anseios” enfatiza.

COMENTÁRIOS
3

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Anônimo

    Se não contra é o Governo e o PT, quem governa esse país? O Sr Brito precisa deixar de demagogia e reconhecer as lambanças do seu partido.

Comments are closed.