Ibama não cumpre prazo para análise sobre licença do estaleiro Eisa
   8 de julho de 2013   │     13:26  │  3

O presidente do Ibama, Volney Zanardi, informou que a análise de toda a documentação complementar do processo do estaleiro Eisa seria feita até o dia 5 de julho. Ele também garantiu que até o dia 10 deste mês o Ibama dará uma posição em definitivo sobre o pedido de licença ambiental.

Até a última sexta-feira o Ibama não tinha se pronunciado.

Eu conversei com o secretário de Planejamento de Desenvolvimento, Luiz Otávio Gomes, que participou da reunião com presidente do Ibama e com o diretor de Licenciamento Ambiental Substituto, Eugênio Pio Costa, há um mês.

“Espero para esta segunda-feira o resultado da análise. Se for positiva, é provável que a licença prévia saia ainda esta semana”, aponta.
A demora do Ibama ou a exigência de novos estudos pode levar os diretores do Eisa (Grupo Synergy) a fazer uma nova avaliação de viabilidade do projeto.

Otimismo

No encontro, realizado há um mês entre Ibama, Eisa e Seplande, como revelei aqui,  foi feito um check list do processo da licença prévia do estaleiro, que se arras há mais de três anos.

No encontro, na sede do Ibama em Brasília, ficou constatado que não falta mais nada para uma decisão sobre o pedido de licenciamento ambiental. “Tudo que tinha de ser feito foi feito, todos os documentos solicitados, todos os estudos foram entregues. Agora só nos resta esperar”, diz Luiz Otávio Gomes.

COMENTÁRIOS
3

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Benigno

    Eita novela que nunca acaba!
    Como pode, questões políticas interferir em uma análise “técnica”?
    Minha esperança estar dando lugar a frustação…

  2. um enganador

    o senador, que gosta de andar graciosamente de avião e que disse para a mídia que por ser presidente do senado ´na vez anterior, saiu corrido do cargo e somente não foi cassado por presidir uma casa onde a corrupção mora ao lado, não passa de um enganador e que ganha os otários que acreditam nele, com conversa fiada. bem feito para os alagoanos que vão na onda dele. este cidadão é um baita de um esperto. nem preso, voto nele. minha família, a mesma coisa.

  3. gp

    Ué, cadê o Senador queridinho dos alagoanos, que agora é presidente do senado. A única coisa que ele fez, e foi exaltado por muitos aqui, foi prejudicar os servidores já muito mal valorizados dos órgãos ambientais.
    Vamos ver o que se desenvolve nesta semana. Tomara que ande.

Comments are closed.