Quem te viu: Dilma é vaiada por prefeitos, mesmo liberando R$ 3 bilhões para municípios
   10 de julho de 2013   │     23:25  │  0

A presidente Dilma Rousseff vive um verdadeiro inferno astral na política. Depois de levar uma estrondosa vaia no jogo da seleção no estado Mané Garrincha, no mês passado, de despencar nas pesquisas e de perder o controle político do Congresso Nacional, ela agora é recebida com vaias até quando vai anunciar a liberação de recursos.

O estilo arrogante, a falta de diálogo e as decisões de cima para baixo parecem sobressair mesmo quando a presidente anuncia um “pacote de bondades”.

Foi o que aconteceu nesta quarta-feira. Antes de participar da Marcha dos Prefeitos, em Brasília, o Palácio do Planalto mandou avisar que a presidente iria liberar recursos para os municípios. Mas nem mesmo o pacote de R$3 bilhões anunciado por Dilma Rousseff nesta quarta-feira foi capaz de conter as vaias que ela recebeu dos prefeitos.

Foi a segunda vaia consecutiva na Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios.

De acordo com o Diário do Podcer, “Incomodados com o silêncio sobre o repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), os prefeitos cobraram, aos berros, explicações. A reação deles desagradou também ao presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CMN), Paulo Ziulkoski, que os rotulou de “baderneiros”. Além das vaias, eles fizeram um pequeno protesto, com faixas em frente ao hotel Royal Tulip, no Setor de Hotéis e Turismo Norte”.

O governo federal prometeu repassar R$ 3 bilhões aos municípios para que possam prestar serviços de melhor qualidade à população. Os recursos saem em duas parcelas: agosto deste ano e abril de 2014.

Na saúde, o governo anunciou mais R$ 600 milhões ano para o Piso de Atenção Básica (PAB). Também serão repassados R$ 4 mil mensais a mais para a manutenção de postos de saúde e custeio das equipes de saúde nos municípios. Se equipe for composta por profissionais de saúde bucal, haverá um acréscimo no repasse de R$ 2 mil a R$ 3,9 mil.

O governo também anunciou mudanças no Minha Casa, Minha Vida para atender todas as cidades com menos de 50 mil habitantes.

Renan participa da marcha ao lado de Dilma Rousseff

Um dia depois de manifestar apoio às demandas apresentadas por prefeitos de todo o país, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), participou nesta quarta-feira (10), ao lado da presidente Dilma Rousseff, de solenidade da 16ª Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios em um hotel da capital federal. O evento, que se prolonga até quinta-feira (11), reúne cerca de quatro mil pessoas entre prefeitos, vice-prefeitos e vereadores.

Para ajudar a atender as demandas dos prefeitos, o Senado instalou nesta terça-feira (9) uma subcomissão Permanente de Assuntos Municipais.

A notícia completa da participação de Renan Calheiros e as medidas adotadas pelo Senado você vê neste link: http://www12.senado.gov.br/noticias/materias/2013/07/10/renan-calheiros-participa-da-marcha-dos-prefeitos-ao-lado-de-dilma-rousseff

Um dia depois de manifestar apoio