Até que enfim: Ibama libera hoje licença do estaleiro Eisa
   15 de julho de 2013   │     8:38  │  5

O imbróglio em torno da licença ambiental prévia do estaleiro Eisa se arrasta desde dezembro de 2009 e pode ter, finalmente, um desfecho nesta segunda-feira, 15.

O processo começou depois que German Efromovich, presidente do Grupo Synergy, anunciou a decisão de construir em Coruripe, Alagoas, o maior estaleiro das América Latina.

A estratégia inicial, traçada com a Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento do Estado foi de obter a licença através do Instituto do Meio Ambiente de Alagoas.

O Ministério Público Federal interviu, recomendando que a licença deveria ser feita pelo Ibama. Nessa queda de braços, perdeu-se um ano. O processo foi então aberto no Ibama em fevereiro de 2011. Os empreendedores tiveram que partir do zero.

Em junho do ano passado, o Ibama negou a licença para a área 5A, entre o Pontal de Coruripe e a foz do rio Coruripe, para evitar a supressão de uma pequena área de manguezal. No entanto, a diretoria de licenciamento ambiental sugeriu a implantação em outra área – a 5D, no povoado Miaí de Cima, em função do baixo impacto ambiental.

O problema, nesse caso, era a necessidade de construção de um quebrar, que gera custo adicional de US$ 150 milhões. O empreendedor chegou a pensar em desistir. Mas depois de convencido, apresentou em setembro do ano passado o pedido de licença para a nova área.

Desde então, o Eisa apresentou dois relatórios de impacto ambiental, um estudo complementar sobre o comportamento das correntes marítimas, projetos técnicos e de engenharia.

Além disso, a prefeitura de Coruripe e o estado trabalharam na realização da audiência publica, realização de oficinas e num plano de ação que define todas as ações de infraestrutura, saúde, educação e ação social, etc, que serão realizadas em função da construção do estaleiro.

Todos os prazos já foram vencidos. Todos os documentos foram entregues, todas as exigências do Ibama já foram atendidas.

“Tudo que tinha de ser feito foi feito, todos os documentos solicitados, todos os estudos foram entregues. Agora só nos resta esperar”, diz Luiz Otávio Gomes, após reunião com em Junho, com o presidente do Ibama, Volney Zanardi e o diretor de Licenciamento Ambiental Substituto, Eugênio Pio Costa,

 Ministra avisa Collor que licença será aprovada

Em primeira mão o senador Fernando Collor (PTB) anunciou, na quinta-feira, 11, que o conselho gestor do Ibama, se reúne nesta segunda-feira, para a última análise da área que receberá, em Coruripe, o Estaleiro Eisa Alagoas.

Esta é a última etapa para o Ibama conceder o licenciamento para o início das obras do empreendimento que vai gerar mais de 10 mil empregos, diretos e indiretos.

O anúncio veio após comunicado da ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, que telefonou para Collor, e informou sobre a decisão.

“Tenho a honra de anunciar, em primeiríssima mão, que estarei acompanhando esta análise do conselho gestor do Ibama. Em seguida, o licenciamento será aprovado, para a alegria de todos os alagoanos e daqueles que trabalham por dias melhores para Alagoas”, afirmou

COMENTÁRIOS
5

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Benigno

    Caro Edivaldo,
    Ainda quero acreditar que nossos políticos, mesmo que ideologicamente com princípios diferentes, ainda convergem para a razoabilidade da união quando o assunto é o desenvolvimento de Alagoas.
    Não me importa quem é o pai do projeto (mesmo que ele tenha que ser reconhecido), mas quem apoiou independente de bandeiras e ideologias partidárias! Alagoas precisa alcançar novos patamares, e isso só pode ser possível com a união de todos!
    Aguardo com ansiedade este novo empreendimento. Se ele realmente se concretizar ganha todos os alagoanos e isto incluem nossos políticos!

  2. Naldo Silva

    O governador como sempre dormindo no ponto ! Acho muito bom o senador Collor tomando as devidas providências para tornar possível a instalação do Estaleiro, esse empreendimento irá trazer desenvolvimento e na geração de empregos para os alagoanos.

  3. Henrique

    Esse estaleiro com certeza gerará muitos empregos e trará grandes benefícios para o nosso estado. Parabéns ao senador Collor por sua intervenção no processo e por agilizar as negociações que já se arrastavam por tanto tempo.

  4. Cinthia Duarte

    Notícia boa que tarda, mas não falha! Fiquei pessoalmente satisfeita com o anúncio feito, em primeira mão, pelo nosso senador Collor. Essas obras do Eisa serão de grande importância para o desenvolvimento de nosso estado. Além de gerar empregos e dinamizar mais a nossa economia, profetiza a otimização de nossa infraestrutura. Collor está de parabéns pelo esforço para tornar realidade essa conquista!

Comments are closed.