Difícil, mas não impossível: Téo e Renan tentam reatar laços
   7 de setembro de 2013   │     22:16  │  2

Que ninguém se engane. Na foi definido e tudo pode acontecer no campo da política em Alagoas até 2014. O reatamento dos laços entre Téo Vilela e Renan Calheiros – que um dia foram chamados de “senadores siameses” mas estão formalmente em lados opostos – é algo, por mais difícil e complexo que pareça para muitos, possível.

Se dependesse apenas da vontade dos dois, eles estariam juntos.

Nos últimos meses o senador e o governador emitem sinais crescentes da reaproximação. Um desses sinais poderá ser testemunhado no próximo dia 23. Vilela vai participar, como convidado de Renan, do segundo seminário “Alagoas: realidade e perspectivas”, que será realizado em Paripueira. No primeiro, em maio deste ano, em Santana do Ipanema, o governador ficou de fora.

Os encontros entre os dois, as reuniões e audiências formais também são cada vez mais frequentes.

Téo Vilela confidencia sem cerimônia aos mais próximos que tem conversado com Renan e que um dos temas é a política. Ele no entanto sempre pondera que “o processo delicado. Tem o Biu, tem o Nonô e tem todo o pessoal que está mais próximo. Não será fácil contornar algumas resistências, mas estamos conversando, buscando um caminho”.

Conversei com o governador no ato da zona livre da aftosa, nesta sexta-feira. Ele confirmou que vai marcar novas conversas com Renan, mas lembrou nenhuma decisão será tomada agora. “Eu só decido no último dia. E o Renan me disse que só se decide um dia depois de mim”, descontraiu.

Se essas conversas vão prosperar ou não só saberemos até abril. Até lá Renan e Teó vão continuar sem a menor pressa em fazer a próxima jogada no complexo tabuleiro da política alagoana.

COMENTÁRIOS
2

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. A F.LOIRO

    THEO E RENAN SÃO IRMÃO DE SANGUE,ESSA SEPARAÇÃO PROVISORIA É SÓ PARA TESTAR AS BASES QUE SÃO O POVÃO FAMINTO E ANALFABETOS QUE VOTAM POR DINHEIRO NESSA QUADRILHA DE LADRÕES.FORA THEO,FORA RENAM.

  2. jose antonio dos santos

    A Gazetaweb divulga que a BR-101 somente vai ser concluída em 2014, e olhem que Alagoas tem um Senador Presidente do Congresso Nacional e um Governador, quase morto, uma espécie de doente em fase terminal, incompetente, preguiçoso e mais muito mentiroso, parece governar um outro lugar. E de repente promete, sem procuração alguma gastar mais de R$ 40 milhões com banquetes, camarões, lagostas, salmão, que comam e corram o risco de terem uma infecção intestinal com falência múltipla dos órgãos, canalhas!.

Comments are closed.