Grupo do “chapão” terá até três coligações para deputado federal
   17 de outubro de 2013   │     19:22  │  4

O deputado federal Renan Filho está convencido de que o a base de apoio à presidente Dilma Rousseff em Alagoas vai para a disputa em 2014 unida em torno de uma só chapa majoritária.

“Não há dúvidas quanto a isso. Todos os partidos concordam, hoje, em se alinhar em torno de um candidato ao governo, que será do PMDB”, aponta.

Em princípio esse candidato será o senador Renan Calheiros. E os partidos que estarão nessa aliança, além do PMDB? Na conta de RF todos da base de Dilma Rousseff,  exceto, é claro o PP e os aliados do senador Benedito de Lira. Isso inclui na lista legendas como PT, PSC, PRTB, PDT e PTB.

Essa mesma lógica não vale para a disputa proporcional. Na chapa de federal a tendência hoje é a formação de três frentes. Uma puxada pelo PMDB, que terá além de RF, Marx Beltrão e Luciano Barbosa. “Mesmo saindo sozinho acredito que o PMDB terá condições de eleger dois deputados”, aponta.

A frente do PRTB, que terá como puxadores Cícero Almeida e Antônio Albuquerque e também, avalia Renan Filho, poderá eleger dois deputados.

Na outra frente que teria como puxador de votos o ex-governador Ronaldo Lessa e incluiria nomes como os dos deputados Paulão, do PT e Rosinha da Adefal, do PTdoB, também seria, avalia RF, eleger mais dois deputados.

“Tudo vai depender da composição de cada frente. Pessoalmente acredito que podemos convergir no final para uma só chapa de federal. Um chapão elegeria pelo menos 5 deputados mas ao contrário de algumas chapas, não teria certamente problemas com o quociente eleitoral”, avalia o deputado.

E quanto as especulações em torno do seu nome para governador, Renan Filho desconversa: “o PMDB terá um forte nome para o governo, que será a princípio o do senador Renan. Dependendo da conjuntura nacional, o partido vai avaliar outros nomes”, aponta.

COMENTÁRIOS
4

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. dra isolda

    Téo vilela é um defunto político,acabou com o pouco que tinha no estado, hoje alagoas não tem um serviço público que não seja o pior do Brasil. Líder em analfabetismo,pior educaçÃo nos 3 níveis segundo ideb,líder em mortalidade infantil,pior saÚde pública do Brasil,pior IDH do Brasil comparado a África. Líder nacional em homicídios, estado mais violento do Brasil,Maceió cidade mais violenta do Brasil e sexta do mundo…e o banho de sangue continua ….

  2. Artur Marinho

    Eu gostaria mesmo era de saber quem é o candidato ao Governo e eu tenho um palpite, Luciano Barbosa vai ser candidato ao Senado. Essa vai ser a grande surpresa pois ja sabemos que o PMDB vai lançar um nome para o palácio também.

Comments are closed.