Rateio do Fundeb, realinhamento de militares e Orçamento serão votados de uma só vez
   5 de janeiro de 2014   │     18:38  │  1

O presidente da Assembleia Legislativa acredita que a melhor alternativa é votar todos os projetos de grande interesse social e do estado numa só sessão.

Se Fernando Toledo conseguir colocar em prática seus planos, projetos de interesse dos  servidores – como a propostas que beneficia 12 mil professores com o rateio de R$ 35 milhões do Fundeb serão – votados ainda esta semana.

Além do rateio do Fundeb, Assembleia Legislativa também deve votar o realinhamento e outros projetos de interesse dos militares e o Orçamento até a próxima quinta-feira, 9.

“Faremos um esforço concentrado e vamos votar os projetos mais importantes, de interesse da sociedade e do governo de uma só vez”, me disse Fernando Toledo.

O presidente da ALE acredita que até quarta-feira já terá feito o pagamento dos servidores da Casa que estão em greve. “Não podemos votar nada enquanto não pagar pelo menos parte dos salários atrasados. Acredito que será possível realizar a sessão para votar essas matérias já na quinta-feira”, reforçou.

Emendando o Orçamento

Quanto aos problemas de caixa enfrentados pela ALE, Fernando Toledo acredita que será possível resolver tudo de uma só vez a partir de alterações no Orçamento.

“Não dá para votar um Orçamento que não é suficiente para arcar com as despesas do Legislativo. Vamos fazer emendas que corrijam essa situação”, adianta Toledo.

O Orçamento da ALE para 2013 foi de R$ 144 mi, com déficit estimado em R$ 24 milhões. Para 2014 a proposta inicial é de R$ 152 milhões, mas poderá chegar a R$ 200 milhões com emendas dos deputados.

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Antonio

    Olhe as palavras do deputado: ” vamos fazer um esforço…” kkkkkkkk… Burocratas tomando cafezinho e no ar condicionado o dia todo, além de ganhar um super salário ( acho que eles deveriam ganhar um salário mínimo), isso é uma piada. Vão trabalhar no shopping, no comércio ou de gari pra ver o que é fazer esforço, mas é cada uma.

Comments are closed.