Dois convites, uma vaga: quem será o ‘senador’ de Eduardo Tavares?
   3 de maio de 2014   │     21:20  │  4

Se na Frente de Oposição a situação está resolvida, com a chapa majoritária já definida (Renan Filho, governador e Fernando Collor, senador) no “campo” do governo o imbróglio está apenas começando.

Se antes existiam candidatos demais ao governo, a julgar pelo que se ouve, agora sobram alternativas para disputar o Senado. Na chapa de Benedito de Lira dois nomes estão “na fila”: Alexandre Toledo (PSB) e João Caldas (SDD). Essa disputa – anote – pode não terminar bem para o PP.

Na chapa do tucano Eduardo Tavares não tem fila ainda, mas dois convites foram feitos por Téo Vilela: um para Zé Thomaz Nonô e outro para Givaldo Carimbão. Se os dois disserem sim – algo improvável – o governador terá que administrar uma situação no mínimo delicada.

A julgar pela “tranquilidade” de Nonô, ele deve declinar do convite. Quanto a Carimbão, ele deu prazo de 15 dias para voltar a conversar com Téo Vilela. Mas avisou que só aceitaria pensar em ser candidato ao Senado numa única condição: que o grupo de Vilela tivesse apena um palanque – algo improvável, para não dizer impossível, no momento.

Em outras palavras, pode ser que Vilela tenha que pensar em outras opções para fazer um terceiro convite.

COMENTÁRIOS
4

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Jorge

    Se o governo marchar separado, Renan Filho já pode comprar o terno de posse como governador de Alagoas no dia 1º de janeiro de 2015.

  2. jose antonio dos santos

    A Gazetaweb divulga que os municípios não tem planejamento, isso é uma verdade antiga. As figuras travestidas de gestores público só querem meter a mão no bolso do povo, pior que os trombadinhas!. Nestas reuniões para formação de chapas, coligações, a maioria formam verdadeiras “QUADRILHAS”, FAZENDO LOTEAMENTO POLITICOS DE CARGOS!. Um jornal de circulação nacional divulgou que um politico de Alagoas comprou de uma “empreiteira” uma mansão por mais de R$ 3,5 milhões, mesmo ganhando um salário de menos de R$ 30 mil reais mensais. Mesmo vivendo 200 anos a conta financeira não fecha, fica no vermelho!. Será a multiplicação dos reais!.

  3. Augusto trancoso

    Júnior em relação a Biu e o ET, concordo com os nomes dos possíveis candidatos, mas na chapa do Renan filho, o Renan Pai quer vender caro a vaga de senador, que é naturalmente do Collor…Hoje os candidatos fortes ao Senado é Collor e Heloísa sendo o primeiro com mais chances..

Comments are closed.