Vilela lamenta morte de Campos e decreta luto de 5 dias
   13 de agosto de 2014   │     14:00  │  0

“Meu Deus, não é possível!”. A reação de Teotonio Vilela Filho a notícia do acidente aéreo em que morreu o candidato a presidente do PSB, Eduardo Campos, foi de total incredulidade.

O governador estava dando uma entrevista gravada para um programa de TV local.  Assim que foi terminada a entrevista o governador foi informado do acidente que estava começando a ser noticiado.

Eu também estava no Palácio dos Palmares nesta quarta-feira, 13, para a entrevista sobre ações do governo e pude acompanhar de perto a aflição do governador.

“Eu não acredito. O Eduardo! Como pode????”.

Vilela e Campos mantinha boa relação, foram governadores no mesmo período. Eduardo foi eleito pela primeira vez em 2006 e reeleito em 2010. Nesse período, o ex-governador de Pernambuco esteve várias vezes com o governador de Alagoas. Os dois era próximos politicamente também, apesar de pertencerem a partidos diferentes.

Às 13h30 de hoje, após confirmação da morte de Campos e outras pessoas no acidente aéreo, em Santos, SP, Vilela postou mensagem na sua página no Facebook: “Estou perplexo, chocado e profundamente consternado com a confirmação da morte de Eduardo Campos, vítima de um acidente aéreo em SP. Perdi um amigo queridíssimo, assim como Alagoas e o Brasil, que perderam um homem público de grandiosos méritos. Em sua memória acabei de decretar luto oficial de 05 dias”.

Teotonio Vilela Filho e Eduardo Campos em foto postada pelo governador na sua página no Facebook

Teotonio Vilela Filho e Eduardo Campos em foto postada pelo governador na sua página no Facebook