Renan define com Dilma participação do PMDB no governo
   13 de dezembro de 2014   │     16:53  │  0

Em nota publicada na quinta, 11, a coluna Radar, de Veja, assinada por Lauro Jardim, adianta que o presidente do Senado, Renan Calheiros, conversou com a presidente Dilma Rousseff para decidir a participação do PMDB no governo.

O partido quer levar o Ministério da Integração Nacional, que ficaria com o senador Eunício Oliveira (PMDB-CE) e o Ministério das Minas e Energia, que ficaria com o senador Eduardo Brada (PMDB-AM). O PMDB também vai levar a Agricultura, com a senadora Kátia Abreu, essa uma escolha de Dilma Rousseff, que será bancada pelo partido.

Resta saber como fica o Ministério do Turismo, que hoje é ocupado pelo alagoano Vínicius lages, indicado por Renan Calheiros para o cargo.  O Turismo, até então, era controlado pela bancada do PMDB na Câmara Federal, mas passou para a cota do Senado depois de desentendimentos entre o líder do partido na Câmara, Eduardo Cunha, e setores do governo.

Veja a nota de Lauro Jardim, na íntegra:

Acertando a parte do PMDB na Esplanada

Renan Calheiros reuniu-se ontem com Dilma Rousseff para tratar do quinhão do PMDB do Senado no futuro Ministério. Trataram, pois, dos ministérios de Minas e Energia e Integração (Kátia Abreu na Agricultura é indicação de Dilma, mas Renan assumirá a paternidade). Nenhuma novidade, portanto, em relação ao que vem sendo costurado.