Alagoas formaliza mais de100 mil empresas em 8 anos
   19 de dezembro de 2014   │     14:08  │  0

Num gesto simbólico, como tantos outros que estão marcando o final de sua gestão, iniciada em 1º de janeiro de 2007, o governador Teotonio Vilela Filho, entregou certificado ao Buffet Andréa Britto, “como representante das mais de 100 mil empresas formalizadas nos últimos  oito em Alagoas”.

O gesto tardio do governador serviu para revelar o poder das empresas individuais e das microempresas em Alagoas e, o mais importante, o papel que os empreendedores tem na economia local.

Estimulados por mudanças na legislação, a exemplo da criação da Microempresa Individual (MEI)  – que permite a formalização de prestadores de serviços e outros profissionais  com pagamento mensal de impostos de apenas R$ 36 – e pela ação de instituições como o Sebrae, os empreendedores alagoanos partiram para formalizar suas atividades.

Ações do governo, através dos Arranjos Produtivos Locais e por instituições como a Desenvolve, também estimularam a formalização de negócios no estado.

Os números disponibilizados no site da Junta Comercial revelam apenas os dados de entre 2011 e 2014. Nesse período foram constituídas 69,5 mil empresas em Alagoas, sendo 51,9 mil MEI, 9,8 mil Individual e 6,8 mil Limitadas.

No período foram criadas 51 empresas S/A, que são, por definição legal grandes empreendimentos  e que estão entre as  mais de 100 grandes empresas que o governador conseguiu captar para o Estado no período no período.

A tabela preparada pelo blog mostra um resumo dos dados disponibilizados na Juceal.

constituição empresas.2jpg

 

Em sua página no Facebook Teotonio Vilela Filho registrou, a entrega do certificado, realizada na quarta-feira, 17: “Ontem, certifiquei a Buffet Andréa Britto como representante das mais de 100 mil empresas formalizadas nos últimos oito anos em Alagoas. Quando assumi o Governo eram apenas 8 mil, mas com muito trabalho e investimento mudamos este quadro. Criei uma agência de fomento, a Desenvolve, para financiar o micro e pequeno empreendimento, diminuímos a burocracia da Junta Comercial na abertura de empresas, fiz um trabalho diferente em parceria com o Sebrae para fortalecer e ampliar os Arranjos Produtivos Locais, valorizamos e consolidamos o empreendedorismo em nosso Estado.”

Vilela fala durante entrega da certificação de mais de 100 mil empresas em Alagoas

Vilela fala durante entrega da certificação de mais de 100 mil empresas em Alagoas