Téo Vilela sai de “cabeça erguida” e promete voltar à política logo
   2 de janeiro de 2015   │     17:23  │  2

Quem foi a solenidade de transmissão de cargo de governador nessa quita-feira, 1º, viu um Teotonio Vilela Filho compenetrado, cumprindo à risca o papel que lhe cabia no momento: Um breve discurso e depois, a partida, pela “porta da frente” do Palácio dos Martírios.

Vilela, anote, já montou um escritório político onde pretende  trabalhar assim que retornar de suas férias, que começa nos próximos dias. Ele passará o ano de 2015 “mergulhado” e promete voltar a carga em 2016 nas eleições municipais.

Se seus planos derem certo, Téo Vilela voltará ao Senado em 2018. Ele é sim candidatíssimo à vaga que poderá disputar ao lado de Renan Calheiros.

Como manda o bom senso, Vilela evitou declarações para a imprensa depois da posse. A estrela brilha agora para Renan Filho. Téo sabe disso. E quanto mais acerto tiver o novo governo ele poderá dizer – embora isso não seja fácil – que deixou um estado pronto para o crescimento, para o desenvolvimento. Foi isso que passou, na essência, a última campanha publicitária do seu governo, com o mantra “obrigado povo amigo do meu amor Alagoas”.

No seu discurso de despedida, Villela fez questão de marcar posição. Veja alguns trechos:

“Cheguei ao Palácio República dos Palmares, tendo como norte o desenvolvimento e a cidadania. Cheguei pela porta da frente, assim como saio hoje, com a consciência do dever cumprido, com a mais absoluta convicção de que entrego ao meu sucessor, ao governador Renan Filho, uma Alagoas bem melhor do que a que encontrei em 2007.

Não tenho dúvida de que o governador Renan Filho fará uma gestão exitosa e que, ao final, teremos uma Alagoas ainda melhor do que a que estamos entregando. Os avanços são inegáveis, mas os desafios, governador Renan, ainda são muitos.

Saio de cabeça erguida, saio convencido de que meu trabalho tornou Alagoas um lugar melhor para se viver, para se trabalhar.

A cada obstáculo encontrado, a cada dificuldade deparada, moveram-me na superação a força libertária de Zumbi dos Palmares, os princípios republicanos de Deodoro e Floriano, a honradez do prefeito Graciliano Ramos. Guerreiros que nos representam tão bem para o resto do Brasil e do mundo”.

O discurso completo você vê neste link: http://agenciaalagoas.al.gov.br/noticias/2015/1/teotonio-transmite-cargo-e-diz-que-ainda-sao-muitos-os-desafios

COMENTÁRIOS
2

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Roberto

    O governo Teo teve seus erros e acertos, mas sem dúvida foi o melhor governador das ultimas décadas. Realizou muito e fez um governo decente, sem escândalos. Embora tenha pecado em áreas como educação e segurança, acertou muito em outras áreas, como infra-estrutura, desenvolvimento, fazenda, gestão e recursos hídricos. Fez a maior obra do Estado de Alagoas, o Canal do Sertão e construiu milhares de km de rodovias, dezenas de escolas, unidades de saúde, etc. Trouxe mais de 100 indústrias e avançou no desenvolvimento econômico, na ciência e tecnologia. Sempre pagou o funcionalismo em dia e instituiu uma regra de reajuste anual que beneficia a todos os servidores. Passou os ultimo 6 meses num ritmo intenso de entregas e inaugurações. Renan vai ter que fazer muito pra que o povo alagoano não venha a ter saudade do Teo

  2. Abelardo

    Pode até ser , agora de cabeça tranquila não sei pois em seu governo nunca houve tantos assassinatos e Latrocínios , onde na area de Segurança deixou muito a desejar…….Mais não foi só um pouco não …foi muito.

Comments are closed.