Com R$ 292 milhões, ICMS de Alagoas cresce 12,9% em janeiro
   4 de fevereiro de 2015   │     21:13  │  0

Dados preliminares da Secretaria da Fazenda de Alagoas mostram um bom desempenho da receita tributária em janeiro – o que contraria as expectativas.

O volume arrecadado do ICMS no mês chegou a R$ 292,9 milhões, com crescimento nominal de 12,93% com relação a janeiro de 2014, quando foram arrecadados R$ 259,42 milhões.

O desempenho do ICMS supera, no primeiro mês do ano, a expectativas do novo governo. O atual secretário da Fazenda, George Santoro, acredita que o crescimento nominal do ICMS ficará abaixo dos 10% este ano.

Dados levantados pelo blog mostram também desempenho positivo nos repasses do FPE. De acordo com o Tesouro nacional, as transferências do Fundo de Participação dos Estados para Alagoas chegaram a R$ 323,6 milhões em janeiro de 2015, com crescimento de 1,72% na comparação com janeiro de 2014. A expectativa era de queda de -7%.

Ruim para o consumidor, bom para o governo

Os aumentos da gasolina e da conta de energia devem beneficiar diretamente o caixa do estado. Esses dois produtos são os principais formadores da arrecadação do estado. O consumidor vai pagar mais caro, mas em contrapartida o recolhimento de ICMS será maior.

Em 2014, o ICMS do setor de combustíveis foi de R$ 676,2 milhões. Com o aumento da gasolina e diesel o incremento deve ser superior, com folga, aos 12%. Já o ICMS de energia no ano passado foi de R$ 226,8 milhões. Como a conta de luz vai aumentar mais de 30%, o recolhimento também deve crescer na mesma proporção.

icms janeiro 2015