IPCA: servidores fazem novo ato para tentar ‘dobrar’ governo 
   26 de julho de 2015   │     18:00  │  0

O impasse em torno do reajuste anual dos servidores públicos do Estado continua. O governo de Alagoas “chegou ao limite” de 5% em 3 vezes. Os servidores, mesmo sem a mobilização necessária, resistem em aceitar a proposta e persistem no reajuste de 6,41%, que equivale ao IPCA.

Apesar do esforço dos servidores, o ato em si não será suficiente para mudar a opinião dos secretários envolvidos na negociação, nem do governador.

Christian Teixeira (Planejamento e Gestão) e George Santoro (Fazenda) costumam usar dois fortes argumentos: 1º, Alagoas está oferecendo um dos maiores entre todos os Estados e, 2º, Alagoas não pode correr o risco de dar um reajuste hoje e atrasar o pagamento ou não pagar amanhã.

Para a CUT/AL, no entanto, o reajuste pelo IPCA é uma conquista. Os líderes do movimento acreditam que existem condições financeiras para pagar.

Se existe ou não, o fato é que o impasse, nesse momento, é ruim para os servidores. Quando mais demorar o processo de negociação, mas vai demorar para que os servidores recebam seu reajuste. O

No limite

Teixeira tem repetido que chegou ao lmite, assim como os demais secretários que participam da mesa de negociação com os servidores: “Qualquer nova proposta doravante caberá ao governador, mas adianto que chegamos ao limite possível de pagar sem comprometer a folha de pagamento em dia”, pondera.

Christian Teixeira lembra que “há 18 anos atrás os servidores públicos sofriam com um governo que trabalhava sem planejamento e o resultado foram 8 folhas de salários em atraso e isso desestruturou muitas famílias e o estado como um todo. Não vamos repetir isso”, endatiza.

O secretário argumenta anda que “mais dos 1.41% que estão sendo questionados no momento, o governo está disposto a valorizar os servidores de outras formas bem mais vantajosas: melhores condições de trabalho, reestruturação dos PCCs, bem como corrigir diversas distorções de décadas”.

A convocação do ato

O texto a seguir está na página do Sindpol/Alagoas:

Sindpol convoca categoria para ato pelo IPCA nesta terça. Participe!

As entidades, que formam o Movimento Unificado dos Servidores Públicos Estaduais, como a Central Única dos Trabalhadores (CUT) e o Sindpol, irão realizar ato público pelo pagamento do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), nesta terça-feira (28), às 14 horas, no Calçadão do Comércio (antigo Produban).

As lideranças sindicais participaram de uma reunião que objetivou elaborar o calendário de luta, traçar novas estratégias e avaliar o ato público do dia 17 de julho. No encontro, foi decidida a realização de um ato público para esta terça-feira (28) .

Veja aqui o texto completo: http://www.sindpol-al.com.br/2015/07/movimento-unificado-convoca-ato-para-o-dia-28-de-julho-participe/