‘Tirar Dilma com nova eleição é golpe’, reage Ronaldo Lessa
   7 de agosto de 2015   │     17:35  │  4

O coordenador da bancada federal de Alagoas, deputado federal Ronaldo Lessa, PDT/AL, deixou a de integrar a base de apoio do governo na Câmara Federal, mas nem por isso concorda com articulações da oposição que visam ‘derrubar’ a presidente Dilma Rousseff,com a realização de uma nova eleição.

“Isso é golpe”, resume.  Se a oposição quer tirar a presidente, emenda Lessa, esse movimento deve acontecer dentro do campo institucional.  “Não podemos aceitar nenhum retrocesso democrático no país, assim como ocorreu em outros países da América Latina”.

Governo devagar

O ‘rompimento’ da bancada do PDT na Câmara Federal com o governo, anunciado esta semana, explica Lessa, não significa que o partido irá para a oposição: “Vamos votar nas medidas com as quais concordamos. Somos independentes. Tem bons projetos do governo que vamos apoiar”, pondera.

O PDT, segundo Ronaldo Lessa, está alinhado com o governo de Dilma Rousseff principalmente nas políticas sociais e diverge, essencialmente de medidas do ajuste fiscal que penalizam o trabalhador.

Apesar do rompimento, ele avisa que o partido não  entregar o Ministério do Trabalho: “o ministério não é só do PDT. Pelo menos metade dos cargos estão com o PT. Além disso, a escolha do ministério foi feita pelo governo federal, independente da bancada. Essa decisãode manter ou tirar o ministro é da presidente”.

Lessa avalia que a relação política entre o governo e sua base aliada está prejudicada pela falta de agilidade no cumprimento de compromissos: “o governo é devagar até para nomear pessoas que foram indicados para cargos federais pelos partidos. A liberação das emendas também é lenta. Não há nada de errado que partidos que integram a base de apoio do governo no  Congresso Nacional participem da gestão. O problema, hoje, é que a demora na efetivação dessas nomeações”, pondera..

COMENTÁRIOS
4

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Murilo

    Golpe e isto!! Este posicionamento do PDT, demonstra realmente um faz de conta e que não tem posicionamento firmado, mas sim, está esperando o rumo da política nacional, para assim, pular para o lado que estivesse mais propício. Posicionamento muito covarde.

  2. Agamenon oliveira

    Golpe nós estamos passando, com um navio a deriva e sem comando. Medidas urgentes devem ser tomadas para voltar a governabilidade!!!

  3. paulo de pedra

    Qualquer um que assumir a presidência não tem como “nomear pessoas” e isso que a pais/governo tem que evitar por enquanto entendo Ronaldo, grande alegria de alagoas

Comments are closed.