Com R$ 236 milhões, ICMS de AL fecha em queda de -4,2% em setembro
   3 de outubro de 2015   │     19:15  │  1

O agravamento da crise econômica nacional começa a afetar, de forma preocupante, o desempenho da receita de ICMS em Alagoas.

Em setembro, a arrecadação do principal imposto do Estado ficou abaixo do esperado pelos técnicos da Sefaz. Já se  espera uma queda nominal na arrecadação de até 3%. Mas o resultado foi pior.

O volume arrecadado no mês passado foi de R$ 236,2 milhões em queda nominal de -4,21% em comparação com os R$ 246,6 milhões arrecadados em igual mês do ano anterior. Se considerada a inflação do período, a queda real é de mais de 12%.

Ainda assim, o ICMS mantém desempenho positivo no acumulado do ano, com variação nominal positiva de 6,36%. No período foram arrecadados R$ 2,28 milhões ante R$ 2,15 bilhões de igual período do ano anterior (veja tabela).

A queda na arrecadação em setembro pode ter sido motivada por um atraso dos comerciantes na formação dos estoques para o final do ano, acredita o secretário George Santoro, da Fazenda: “Muitas lojas não renovaram os estoques, o que normalmente acontecia até setembro. Em a entrada de mercadorias para reposição do estoque, tivemos uma queda acentuada na arrecadação desse segmento. Vamos torcer que isso aconteça em outubro” pondera.

arrecadação setembro 15

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. jose antonio dos santos

    O que será… cinismo, incompetencia, irresponsabilidade dessa gente travestida de gestor público, quem passa na Cambona e vejam que vizinho a SEMED, um prédio que divulgaram ser uma CRECHE está lá abandonado, ENTREGUE AS MOSCAS!. Tenham vergonha, respeitem o dinheiro do povo.

Comments are closed.