Em apenas 35 cidades de AL, disputa a prefeito será entre 2 candidatos
   30 de agosto de 2016   │     15:46  │  0

Contrariando as expectativas inicias das lideranças políticas, o número de candidatos a prefeito nos municípios de Alagoas  nas eleições de 2016, registrados nos TRE,  aponta para um disputa de no mínimo 3 candidatos na maioria das cidades do estado.

Em apenas 35 cidades, segundo levantamento feito pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM), a disputa será polarizada entre dois candidatos.

Entre estes municípios estão os menores municípios em população, com menos e 20 mil habitantes, a exemplo de Anadia, Belo Monte, Branquinha, Cacimbinhas, Campestre, Mar Vermelho, Pariconha, Campo Grande, Chã Preta, Capela, Coité do Nóia, Dois Riachos, Estrela de Alagoas, Feliz Deserto, Fleixeiras, Novo Lino e Olivença. .

Mas disputa com apenas dois candidatos também se dá em importantes colégios eleitorais, com população acima de 20 mil habitantes, a exemplo Colônia Leopoldina, Cajueiro , Limoeiro de Anadia, Major Isidoro, Marechal Deodoro, Mata Grande, Matriz de Camaragibe, São José da Laje,  São José da Tapera.

Mesmo nas cidades com menor população também tem disputa acirrada. É o caso de Olho d´Água do Casado, com menos de 10 mil habitantes e 5 candidatos a prefeito. A Barra de São Miguel, que tem menos de 9 mil habitantes, tem 4 candidatos. Satuba, com menos de 14 mil habitantes, tem 5 candidatos a prefeito.

Nas demais cidades, predomina a disputa entre 3 nomes. Segundo o levantamento da CNM são 45 municípios nesta situação. Em apenas 9 cidades, são 4 candidatos. Em outros 11 são 5 nomes na disputa e apenas duas, tem número maior de  candidatos: Maceió, com 7 e Rio Largo, com 6.

Estes números são provisórios. O TRE, como adiantou a reportagem do Gazetaweb (http://gazetaweb.globo.com/portal/especial.php?c=17368) só julgou até agora o registro de apenas 25 dos 311 candidatos a prefeito nos 102 municípios de Alagoas.

Veja  a tabela

A tabela preparada pela CNM mostra o cenário da disputa em todo o Brasil. No país, predomina a polarização entre dois candidatos, diferente de Alagoas onde o maior número de cidades tem três candidatos ou mais.

cnm prefeitos 2016

Para ter acesso ao estudo completo da CNM acesse este link: http://www.ama.al.org.br/wp-content/uploads/2016/08/1.TOTAISAscandidaturasaprefeitode2016.pdf

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *