Antes de assumir Secretaria dos Esportes, Cícero Almeida quer resolver processo no TSE
   22 de fevereiro de 2017   │     13:21  │  0

Convidado para a Secretaria dos Esportes, Cícero Almeida ainda não acertou a data para assumir a Pasta. Deve ficar para depois do carnaval. Isso porque o deputado federal do PMDB quer resolver antes uma pendência no TSE: o julgamento do pedido de perda do mandato – por desfiliação partidária – feito pelo PRTB nacional.

Na sua avaliação, a ação deve ser colocada em em pauta logo após o carnaval. “Seria melhor assumir com isso já resolvido, para não gerar pauta negativa contra o governo”, pondera.

Almeida diz que continua conversando com o governador e seu grupo: “fiz exposição destas situações.Existe o processo do PRTB, que pode ser colocado em votação já agora na primeira semana de março. Para evitar mídia negativa para o governo a gente está conversando de forma cautelosa, porque a partir do momento que sair a decisão do TSE, a gente assume a Secretaria com mais tranquilidade. Não que eu esteja preocupado. Nós já ganhamos em todas as instâncias, falta apenas que a ministra Luciana (Lócio) se pronuncie e coloque em votação”, aponta.

Embora tenha certeza da vitória na ação, Almeida pondera: “a gente acredita que é causa ganha, mas se vier a votação no TSE quem vai ser notícia é o secretário do Renan. Então eu tenho que preservar o governador também, porque o governador está bem, o governo dele está bom. Eu quero que ir de forma positiva para produzir legal e durante um ano contribuir com ele e como secretário fazer bonito”, enfatiza.

Cícero Almeida só vê, no momento, uma possibilidade da posse na Secretaria dos Esportes ser antecipada: uma eventual desistência do PRTB na ação. “acredito que a nomeação deva acontecer depois do carnava. Não deve acontecer agora, a não ser que aja uma decisão do Levi (Fidelix – presidente do PRTB) de retirar o processo, que é esse o acordado. Retirando se evita a polêmica. Não é temor do processo… se evita a polêmica. Eu quero entra no governo de forma positiva, para não trazer consequências para a administração do Renan que está tão boa”, reforça.

Estadual ou federal

A expectativa de Almeida, hoje, é assumir a secretaria dos Esportes em março e ficar por lá até março de 2018, quando deve deixar a Pasta para enfrentar, de novo, as urnas. Será – avisa – candidato a deputado mas não fechou questão se estadual ou federal: “Ainda não me decidi. Só devo tomar esse decisão no próximo ano”, pondera.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *