G8 vira “confederação” e lança chapa de federal em AL
   10 de março de 2017   │     22:30  │  0

Vem aí mais uma novidade na política alagoana pilotada pelo presidente estadual do PRTB, Adeilson Bezerra. Depois do G8, ele arquiteta com Marcos toledo (PTdoB), a “Confederação de Partidos” e explica porque decidiu mudar o batismo do movimento: “o G8 era baseado em oito princípios, mas as pessoas confundiam com o número de legendas. Com a Confederação teremos uma convergência de legendas, cada uma com sua autonomia, mas formando uma aliança para 2018”.

O ponto de partida da “confederação” é a montagem de uma chapa “intermediária” para deputado estadual, como já antecipei aqui (http://wp.me/p6TEFy-3Nl). Não é só. Bezerra também pilota uma aliança com o PSB de JHC para construir uma chapa de deputado federal que teria, força para incomodar os “grandes” partidos:“nosso objetivo é fazer dois”, adianta.

Além do deputado federal JHC, que vai para a reeleição, a chapa articulada por Bezerra teria nomes como Val Amélio (1o suplente que já assumiu durante quatro meses de 2016 o mandato no lugar de Cícero Almeida) e do ex-deputado Dudu Albuquerque, de Arapiraca.

Rosinha da Adefal, que está exercendo o mandato de deputada federal atualmente no lugar de Marx Beltrão, também reforçaria a chapa.

Também teremos outros nomes como Aderval Tenório, Carlos da Educação (Penedo), Flávio Targino (Palmeira dos Índios), Paulo Nunes e Jarbas Omena”, adianta Bezerra.

Reforço

Embalado para voltar à Assembleia Legislativa, o ex-deputado Jota Cavalcante, assinou esta semana ficha de filiação ao PRTB. “Este é mais um nome de peso que se junta a nossa chapa, que terá entre 30 e 40 nomes como o mesmo perfil”, aponta Bezerra. Por perfil, leia-se, potencial entre 12 e 15 mil votos.