Senado ou Câmara Federal: Thereza Collor avalia candidatura pelo PRTB em 2018
   9 de agosto de 2017   │     12:07  │  0

O presidente do PRTB em Alagoas teve uma longa conversa com Thereza Collor. Sobre política, claro. O partido quer consolidar uma chapa de deputado federal, mas uma candidatura ao Senado, avisa Adeilson Bezerra, também é “bem-vinda”.

A “embaixadora” não esconde o desejo de disputar um mandato eleitoral por Alagoas em 2018 e tem conversado com alguns partidos.

Na semana passada, a conversa foi com dirigentes do Podemos (ex-PTN). Thereza também já conversou com o PPS de Régis Cavalcante.

Bezerra avisa que a conversa, realizada nessa terça-feira,8, foi boa e anuncia uma segunda rodada, nos próximos dias, com Levy Fidelix, presidente nacional do partido: “a Thereza pode ser candidata a deputada federal ou a senadora. Foi uma boa conversa e esperamos avançar em breve”, pondera.

Dobradinha

Se sair candidata a deputada federal, Thereza poderá fazer dobradinha com o filho, Fernando Lyra Collor, que tem gosto pela política. Ele quer disputar uma vaga na Assembleia Legislativa e assim como a mãe busca definir um partido para a disputa.

“Aqui ela terá legenda garantid e também o filho dela, o Fernando Lyra Collor, que poderá ser candidato a deputado estadual”, reforça Loureiro.

Chapa e construção

Enquanto as regras do jogo não são definidas, o PRTB avança na formação de chapas proporcionais para federal e estadual.

Segundo Bezerra, alguns nomes já foram definidos para formar o time que vai disputar uma vaga para a Câmara dos Deputados.

A lista inclui Val Amélio, Aderval Tenório, Pastor Barbosa, Doge do Queijo, Fabiana Lira(esposa de Jair Lira) Jarbas Omena, Adoniran Guerra, Dudu Albuqueque, João Victor, Catunda, Marcos Adriano e Fernando Holanda.

O PRTB não descarta coligação com outros partidos. Segundo Adeilson Bezerra, “a lógica é eleição é de dois federais. Com 35 mil votos o candidato já disputa uma das vagas”.