Renan diz que punição de deputados do PMDB é antidemocrática
   12 de agosto de 2017   │     18:50  │  0

 

O senador Renan Calheiros (PMDB) utilizou as redes sociais para criticar a decisão da executiva nacional do seu partido, de suspender seis deputados federais da legenda que votaram a favor do prosseguimento da denúncia contra o presidente Michel Temer, por corrupção passiva.

Para Renan, a decisão é antidemocrática. “Ninguém está imune à investigação, seja procurador-geral da República, presidente da República ou senador… E quem abusar tem que ser penalizado pelo que fez, na forma da lei”, diz.

O senador ainda aproveitou para defender a votação da Lei de sua autoria que combate o abuso de autoridade e se posicionou contra a aprovação do fundo público de R$ 3,6 bilhões para financiamento de campanhas eleitorais, “com aumento de imposto e déficit fiscal”.

Veja o vídeo