Ao desistir de candidatura no MP, “Janot rosnou e depois miou”, cutuca Renan
   25 de abril de 2018   │     17:19  │  1

Em vídeo nas redes sociais, o senador Renan Calheiros (MDB) comentou a desistência de Rodrigo Janot, que retirou candidatura ao Conselho Superior do Ministério Público.

“Depois de ameaçar com candidatura ao CSMP, Rodrigo Janot recua e desiste. Rosnou, depois miou”, cutuca Renan Calheiros.

Veja o que diz o senador:

“Depois de ameaçar com candidatura ao Conselho Superior do Ministério Público para vigiar Raquel Dodge. Rodrigo Janot recua e desiste. Rosnou, depois miou. E me ataca, culpando-me pela renúncia. A imita a arte. Janot parece cada vez mais com Simão Bacamarte, de Machado Assis. Depois de internar a cidade inteira, descobriu que o louco era ele, e se recolheu ao asilo. Como relata Machado, fechada a porta, entregou-se a cura de si mesmo. Estio suas melhoras, Rodrigo Simão Bacamarte Janot”.

A fala do senador ganhou repercussão em veículos como o blog Radar, da edição on line de Veja:

Guerra entre Renan e Janot: ‘rosnou, depois miou’

Após criticar a candidatura de Janot ao Conselho Superior do Ministério Público Federal (CSMPF), no último domingo (22), e ver o ex-procurador desistir do intento, Renan voltou a disparar suas flechas.

“Rosnou, depois miou. […] Janot parece cada vez mais com Simão Bacamarte de Machado de Assis: depois de internar a cidade inteira, descobriu que o louco era ele e se recolheu ao asilo […] Estimo suas melhoras”, diz em vídeo a ser divulgado.

Leia aqui na íntegra:

https://veja.abril.com.br/blog/radar/guerra-entre-renan-e-janot-tem-mais-um-capitulo-rosnou-depois-miou/

Janot desiste atirando

Rodrigo Janot anunciou sua decisão de desistir da candidatura nessa segunda-feira, 23 e aproveitou para “contra-atacar”. Veja trecho de reportagem do Jornal do Brasil:

Janot desiste de concorrer a uma vaga no Conselho Superior do MPF

“Onde chegamos? Triste Brasil”, diz Renan no vídeo. Disse Janot: “Após atacar-me covardemente, o senador mostra-se preocupado com os efeitos da minha candidatura sobre os destinos do MPF. Infelizmente, não posso tranquilizá-lo em suas preocupações. Mesmo com minha desistência, a corrupção não terá trégua, se depender do MPF”.

Leia aqui, na íntegra:http://http://www.jb.com.br/pais/noticias/2018/04/23/janot-desiste-de-concorrer-a-uma-vaga-no-conselho-superior-do-mpf/

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

Comments are closed.