Renan Filho “distensiona” formação de chapas proporcionais.
   13 de junho de 2018   │     23:15  │  0

Vendo aqui o peixe pelo preço que comprei. O dirigente de um dos partidos da base aliada do governador Renan Filho (MDB) garante que a pressão para a formação de coligações proporcionais diminuiu – e muito – dentro do grupo.

O governador Renan Filho teria, ao que parece, “distensionado” o processo de articulação das coligações proporcionais.

A ideia da formação de um chapão para deputado federal e outro para deputado estadual continua posta na mesa. Mas os 16 partidos que participam da base de apoio tem agora maior flexibilidade para escolher entre participar do chapão, formar chapinhas ou disputar com chapa puro sangue.

“Tem conversa de tudo que é jeito. Carimbão pode formar uma chapaa mais Lessa e Paulão. Podemos ter outra chapa com Pessoa (Severino), Isnaldinho e Sérgio (Toledo). Tem ainda outra chapa que reuniria o Régis (Cavalcante) e a turma do PRTB. No final, devemos ter um chapão, solução que predomina hoje, ou três ou mais chapas diferentes. Tudo vai depender das conversas que teremos até as convenções”, relata o dirigente partidário.

Sem novidades

Na “oposição” o clima também é de tranquilidade . O presidente do PROS, deputado estadual Bruno Toledo, avisa que continua esperando para definir uma composição que dê aos candidatos do partido a condição de disputar de “forma leal” as eleições deste ano.

Apesar das informações de que a “oposição” deve rachar, o prefeito de Maceió e presidente do PSDB, Rui Palmeira, disse ao deputado Bruno Toledo que o grupo mantém as conversas com o objetivo de formar as chapas majoritárias e proporcionais.