Governador exonera mais de 40 cargos ligados ao PDT de Lessa
   10 de julho de 2019   │     12:22  │  1

A edição do Diário Oficial do Estado desta quarta-feira, 10, saiu recheada de exonerações – literalmente.

Foram 54 atos de desligamento de cargos comissionados. Destes, em 43 foi utilizado termo em que o governador resolve “conceder exoneração”. Diferente de “exonerar a pedido”, o termo significa – na prática – que o servidor foi demitido por decisão política do gestor.

A maioria destas exonerações, como esperado, foi da Secretaria de Agricultura do Estado, cargo que era ocupado pelo ex-governador e presidente do PDT em Alagoas, Ronaldo Lessa, até recentemente. Na Seagri, pelo que consegui levantar foram 28 exonerações somente na edição do Diário Oficial desta quarta-feira.

Outras sete exonerações de pessoas ligadas ao PDT e a Ronaldo Lessa foram realizadas na Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo.

É vida que segue. Ronaldo Lessa e seu grupo dá mais um passo (ou talvez esteja sendo “empurrado) para a oposição. Esse distanciamento do grupo do governo terá certamente implicações nas eleições de 2020 e 2022. Mas esta é outra história.

Reação ás críticas –  Atualizandoàs 14h00

As exonerações de integrantes do PDT foi segundo versões que ouvi de palacianos uma reação do governo ás críticas de pedetistas durante a convenção do partido realizada na última semana. Foi uma “resposta á altura” me disse um importante interlocutor de Renan Filho.

 

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Tony

    Os exonerados do Governo do Estado, indicados por Ronaldo Lessa, em breve estarão sendo nomeados pelo prefeito de Maceió, Rui Palmeira. Ronaldo Lessa não bate prego em estopa.

Comments are closed.