Em poucos dias à frente da Seagri, Bulhões começa a regularizar programa do leite
   15 de julho de 2019   │     18:07  │  0

A Secretaria de Agricultura do Estado retomou os pagamentos para os agricultores familiares que abastecem o programa do leite em Alagoas. Na sexta-feira, 12, foram liberadas duas quinzenas – uma de janeiro e outra de maio. A informação circulou em alguns sites locais.

Sílvio responde interinamente pela Seagri desde 1o de julho. Em poucos dias conseguiu destravar os pagamentos para o programa do leite e outras ações na Pasta.

Os pagamentos foram feitos após reunião, na semana passada, entre o secretário interino da Agricultura com o Secretário Nacional de Inclusão Social Produtiva Rural do Ministério da Cidadania, José Roberto Cavalcante.

Por telefone, Bulhões confirma os pagamentos e adianta que o esforço é atualizar as outras parcelas que estão em atraso.

“Contamos além do apoio do governador Renan Filho e do Ministério da Cidadania, além do esforço do deputado federal Isnaldo Bulhões. Ele tem exercido um papel importante na liberação deste e de outros recursos para a área da Agricultura do Estado”, aponta Sílvio.

Segundo levantamento da Seagri, ainda faltam outras cinco quinzenas para atualizar os pagamentos aos agricultores familiares que abastecem o programa do leite em Alagoas.

“Conseguimos assegurar, com a ajuda do deputado Isnaldo, a liberação de mais R$ 2,5 milhões do Ministério da Cidadania para o Programa do Leite. Esse valor é relativo ao que já foi executado até junho deste ano. Também conseguimos assegurar os recursos para a execução do programa entre julho de 2019 e junho de 2020”, aponta Sílvio.

Sílvio Bulhões participa de reunião com o secretário Nacional de Inclusão Social Produtiva Rural do Ministério da Cidadania, José Roberto Carlos Cavalcante e assegura recursos para o programa do leite em Alagoas

Reconhecimento

Em Alagoas o programa do leite é executado pela Seagri com a participação de cinco cooperativas.

São mais de 52 mil litros do produto adquiridos por dia, pelas cooperativas CPLA, Pindorama, Cafisa, Coopal e AAGRA.

O programa do Leite funciona por meio de convênio desde 2013, com recursos do governo federal e uma contrapartida do governo estadual.

Os pequenos produtores de leite alagoanos destacaram, além da garantia na continuidade do programa até 2020, os recursos para manutenção do programa que foram liberado na sexta-feira (12).

“Nós temos parceiros ao nosso lado, olhando para a agricultura familiar. Em pouco tempo, o secretário Silvio conseguiu dois feitos para a manutenção do programa. E, claro, que temos que agradecer ao deputado Isnaldo Bulhões que tem andando junto com o cooperativismo em Alagoas e sabe da importância da agricultura para o estado”, afirma o presidente da Cooperativa Pindorama, Klécio Santos.

“Nossos produtores estão cada vez mais confiantes. E temos que agradecer ao governador Renan Filho, ao deputado Federal Isnaldo Bulhões e o secretário Silvio Bulhões, que tanto têm feito para manter o pagamento em dia”, afirma o presidente da CPLA, Aldemar Monteiro.