Renan quer “desmascarar” Moro e Dallagnol na CPMI das fakes news
   16 de setembro de 2019   │     20:32  │  4

A informação é da coluna Painel, da Folha de São Paulo, desta segunda-feira, 16. O senador Renan Calheiros (MDB-AL) foi indicado para integrar a CPMI das fake news.

Segundo a Folha, Renan quer levar para a comissão a discussão sobre as mensagens de Deltan Dallagnol e Sergio Moro reveladas pelo The Intercept, apesar de elas estarem no centro de outra investigação parlamentar.

Seria, segundo leitura de vários sites, mais uma batalha na guerra que Renan trava para “desmascarar” o ministro da Justiça Sérgio Moro e Dallagnol.

Não é só. O senador deve trabalhar no aperfeiçoamento da lei que regulamenta atuações na internet. A partir da CPMI, Renan também busca uma fórmula para inibir a ação de robôs que propagam conteúdos falsos ou difamatórios.

A equipe do senador está atuando nas redes sociais para derrubar supostos perfis rotulados de “robôs”. A informação é do blog Radar, de Veja, em agosto deste ano: “Nos últimos 2 meses, o senador Renan Calheiros (MDB-AL) está derrubando perfis faltas nas redes sociais, classificados como “robôs”, especialmente no Twitter.

A equipe do parlamentar teria entrado com denúncia oficial contra quase 3 mil contas e listado outras 14 mil que estão sob análise. Nas denúncias, segundo a revista, são especificadas as atividades de cada perfil, alguns com gráficos, e as postagens feitas por cada um.

Ainda segundo o blog, a ofensiva tem dado efeito: mais da metade dos perfis denunciados pelo senador já estão fora do ar.

Veja a notas do Painel:

Todo lugar é lugar Renan Calheiros (MDB-AL) foi indicado para compor a CPMI das fake news. O senador quer levar ao palco deste colegiado a discussão sobre as mensagens de Deltan Dallagnol e Sergio Moro reveladas pelo The Intercept, apesar de elas estarem no centro de outra investigação parlamentar.

Alvo Descontada a provocação, o objetivo do senador na CPMI, dizem seus aliados, é provocar discussão sobre o aperfeiçoamento da lei que regulamenta atuações na internet. Renan busca fórmula para inibir a ação de robôs que propagam conteúdos falsos ou difamatórios.

Saiba mais:

Esforço para emplacar Eduardo em embaixada faz de Alcolumbre o articulador do governo no Senado

 

COMENTÁRIOS
4

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Márcio Apratto

    Como explicar pessoas que ainda defendem Moro e Dellagnol mesmo depois da verdade aparecer, quem defende o chefe da quadrilha Moro não é vítima é cúmplice, cadeia para moro e Dellagnol pilantras entreguistas cadê o Queiroz, quem matou Marielle, a única coisa que MARECO fez como ministro foi descobrir o hacker que provou que ele era o verdadeiro bandido pois condenou sem provas, Moro e um pilantra traídor , um entreguista que vive lambendo as botas dos USA assim como seu patrão miliciano o Vozo , acordem idiotas ninguém vai se aposentar esse tiverem idiotas como vocês defendendo ladroēs com provas

  2. Nivaldo

    Que moral tem esse REInão para prender um herói brasileiro, será que esse senador vive num mundo de fantasia ?
    O povo é soberano,e o povo tá com Moro e todos os juízes da lava jato,o dia desse senador vai chegar,o projeto de abuso de autoridade não livra-lo de usar uma pulseira de prata,aguarde carta.

Comments are closed.