Isnaldo, Paulo, Sílvio e Chico, os novos comendadores do leite de AL
   11 de dezembro de 2019   │     20:26  │  0

O maior e mais longevo programa de inclusão social e produtiva de Alagoas é sem dúvidas o do Leite. Foi criado pelo ex-governador Ronaldo Lessa em 2002 a partir iniciativa de vários produtores.

Desde então, o programa do leite passou por vários desafios. Uma crise após outra, no entanto, conseguiu se consolidar graças a um formato único. De um lado promove a inclusão de agricultores familiares. Do outro, leva alimento de qualidade a quem mais precisa.

O programa atende hoje 80 mil famílias carentes nos 102 municípios alagoanos, que recebem leite produzido por mais de 3 mil agricultores familiares. Distribui renda, ajuda na nutrição de gestantes, nutrizes, crianças e idosos. É também importante regulador de mercado, dando aos pequenos produtores uma alternativa aos atravessadores.

Por essas características, o programa do leite ganhou ao longo de sua existência a defesa de líderes de movimentos sociais, do setor produtivo rural, lideranças políticas e autoridades.

Para reconhecer o trabalho de quem ajuda a manter vivo o programa do leite a Cooperativa de Produção Leiteira de Alagoas (CPLA) criou a Comenda Silvânio Barbosa – a Comenda do Leite.

Este ano foram homenageadas personalidades que tiveram papel decisivo na luta pela continuidade do Programa do Leite no Estado.

Na sua segunda edição e diante de agricultores familiares – produtores de leite de diversas regiões do Estado – a Comenda Silvânio Barbosa foi entregue ao deputado federal Isnaldo Bulhões; deputado estadual Paulo Dantas, deputado estadual Francisco Tenório e ao secretário de Agricultura de Alagoas, Sílvio Bulhões.

A honraria também foi prestada ao secretário Nacional de Inclusão Social e Produtiva Rural do Ministério da Cidadania, José Roberto Carlos Cavalcante e ao ministro da Cidadania, Osmar Terra.

Outros líderes políticos, a exemplo de Marx Beltrão, Renan Filho e Givaldo Carimbão, homenageados em edições anteriores da comenda, também continuam dando sua contribuição ao programa.

Todos os escolhidos tiveram papel fundamental, como já registrei aqui, não só na liberação de recursos para pagamento aos agricultores familiares mas também na continuidade do programa do leite para 2020.

Nestes tempos em que a desigualdade social voltou a aumentar no Brasil e em Alagoas, os comendadores do leite prestaram um importante serviço as famílias dos alagoanos mais carentes. É uma homenagem – posso testemunhar – merecida.

Chico Tenório, Sílvio Bulhões, Paulo Dantas e Isnaldo Bulhões durante entrega da “comenda do leite”

Versão oficial

Veja texto produzido pela da assessoria de comunicação

CPLA homenageia personalidades que ajudaram o Programa do Leite

Em mais um ano de conquistas e de muitos desafios para a agricultora familiar, principalmente na luta pela manutenção do Programa do Leite no Estado, a Cooperativa de Produção Leiteira de Alagoas (CPLA), reconheceu os esforços de personalidades políticas e institucionais que foram peças decisivas nesse processo, concedendo a outorga da Comenda Silvânio Barbosa, na última segunda-feira, 09, na Casa do Criador, localizada no Parque da Pecuária, em Maceió.

O serviço prestado no desenvolvimento econômico alagoano, por meio do Programa do Leite, resulta em empregabilidade para cinco mil pequenos produtores rurais e alimento para 80 mil famílias, além de promover o combate à mortalidade infantil, onde famílias em vulnerabilidade recebem o leite como uma forma de complementação nutricional, melhorando a saúde e a qualidade de vida.

A solenidade também destacou a memória do vereador por Maceió, Silvano Barbosa, lembrado como um dos grandes defensores pela manutenção e continuidade do Programa do Leite. “Meu irmão fez muito pelas pessoas carentes. Elas sempre fizeram parte da luta dele. Ter o nome dele nesta comenda é uma grande honra. Onde ele estiver, tenho certeza que está feliz”, afirmou Marcela Barbosa.

Na sua segunda edição e diante de agricultores familiares – produtores de leite de diversas regiões do Estado – a Comenda Silvânio Barbosa foi entregue ao deputado federal Isnaldo Bulhões; deputado estadual Paulo Dantas, deputado estadual Francisco Tenório e ao secretário de Agricultura de Alagoas, Sílvio Bulhões. A honraria também foi prestada ao secretário Nacional de Inclusão Social e Produtiva Rural do Ministério da Cidadania, José Roberto Carlos Cavalcante e ao ministro da Cidadania, Osmar Terra.

Segundo o presidente da CPLA, a Comenda Silvânio Barbosa presta uma homenagem dos agricultores as pessoas que lutaram pelo Programa do Leite. “Silvânio foi um símbolo deste programa. Esta solenidade é um momento não apenas de reconhecimento as estas pessoas, mas também de confraternização, onde reunimos cooperados, parceiros e colaboradores. Tivemos anos de dificuldade, mas estamos firmes para 2020, construindo projetos novos e evoluindo a comunidade produtora de leite de Alagoas. O Programa do Leite é uma das maiores ações sociais de inclusão produtiva e contamos com o apoio de toda a bancada”, finalizou Monteiro.