Davi Davino Filho deve encarar a “disputa” contra JHC e Gaspar em Maceió
   4 de janeiro de 2020   │     23:27  │  3

O deputado estadual Davi Davino Filho (PP) pode ser o nome para polarizar com João Henrique Caldas (PSB) e Alfredo Gaspar de Mendonça (Sem Partido).

Com forte atuação em Maceió, Davi tem aparecido sempre entre os primeiros lugares nas pesquisas eleitorais. Em todos os levantamentos divulgados aqui ou que tive acesso ele está posicionado no segundo ou terceiro lugar, atrás de JHC, à frente de Gaspar e em situação de empate técnico com Ronaldo Lessa PDT.

Se for mesmo candidato a prefeito da capital este ano – o que é dado como certo nos bastidores – ele tende polarizar principalmente com Gaspar e JHC, que são considerados seus principais adversários.

Embora bem avaliado nas pesquisas, Lessa, segundo diferentes avaliações, só teria chances reais de brigar por uma vaga para o segundo turno com o apoio de Rui Palmeira (PSDB).

O deputado do PP já avisou a vários interlocutores que se for “convocado” está pronto para entrar em campo. Davi só não teria anunciado sua pré-candidatura em razão de um imbróglio interno no seu partido. Como o vice-prefeito de Maceió, Marcelo Palmeira, que também é presidente do PP na capital, tentava viabilizar uma pré-candidatura, o deputado decidiu esperar.

Agora que Marcelo, segundo vários interlocutores, deve disputar o mandato de vereador por outro partido, Davi deve anunciar publicamente que é pré-candidato. O que se espera é que o anúncio aconteça até o próximo dia 15 ou antes disso. Tudo vai depender de uma “conversa” de Marcelo com Rui Palmeira, para alinhar seu futuro político. Mas essa é outra história.

COMENTÁRIOS
3

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Márcio pitombeira

    A entrada do Davi Filho nada mais é que o ingresso da Assembleia na Prefeitura, são 26 deputados estaduais o apoiando e 2 federais, Artur e Max, o bolo (prefeitura) terá de ter mais dessa quantidade de fatia caso ele vença e o povo que se exploda. Deus nos livre disso, amém?

Comments are closed.