Governo poder mudar estratégia e reabrir economia primeiro em Maceió
   18 de junho de 2020   │     18:36  │  0

A decisão ainda não tomada pelo governo de Alagoas, mas a expectativa, inclusive de auxiliares diretos do governador Renan Filho, é que a reabertura de setores da economia que continuam fechados começa no próximo dia 23, quando entra em vigor o novo decreto de situação de emergência.

Os números dos últimos dias apontam para uma estabilização da curva de crescimento dos casos de Covid-19 no Brasil, em Alagoas e, principalmente em Maceió.

Aliado a isso, a disponibilidade de leitos nos hospitais, deve ajudar para que o governo inicie a flexibilização.

Mas existe a possibilidade de que se mude a estratégia. Até agora todos os decretos de situação de emergência determinavam as mesmas regras de isolamento social para todo Estado. Como a evolução da Covid-19 está em fases diferentes, com maior força no interior e em queda na capital, o governo pode decidir pelo início da reabertura gradual no sistema de cores (de vermelha a branca) por regiões.

Nesse caso, poderia começar por Maceió. No máximo pela região metropolitana da capital. Esse, ao menos, é o “sentimento” de vários auxiliares do governador Renan Filho.

Uma solução como essa ajudaria também a diminuir – e muito – a crescente pressão do setor produtivo pela reabertura. Mas essa é outra história.