Pesquisa mostra 2o turno em Maceió: Alfredo, Davi, JHC e Ronaldo são favoritos
   30 de julho de 2020   │     23:43  │  3

A “leitura” da pesquisa eleitoral da TDL, divulgada nesta quinta-feira (30) aponta para dois fatos importantes no cenário político de hoje em Maceió.

Um ponto é indiscutível, a julgar pelos números, não só deste, mas também de outros institutos. Teremos segundo turno nas eleições deste ano na capital das Alagoas, salvo fato novo.

Outro ponto é que apesar do aparente favoritismo do deputado federal JHC (PSB) e do ex-procurador geral de Justiça, Alfredo Gaspar de Mendonça (MDB), nenhum dos dois tem vaga garantida na segunda etapa.

Pelo que se vê nas ruas, considerando diferentes opiniões e números de outros institutos, tanto o deputado estadual Davi Davino Filho (PP), quanto o ex-governador Ronaldo Lessa (PDT) teriam boas chances de chegar lá, mesmo se as eleições fossem hoje. Não são. Até novembro, tem muita água para passar por baixo da ponte.

Pela ordem (alfabética) avalio que Alfredo, Davi, JHC e Ronaldo são, no atual momento, os favoritos para chegar ao segundo turno.

Lembrando que tanto os grupos de JHC quanto o de Gaspar ainda sonham com uma vitória no primeiro turno.

A TDL pesquisa e marketing fez um levantamento em Maceió, entre os dias 23 e 25 de julho e divulgou dois cenários. Um com Cícero Almeida. Outro sem.

Um detalhe que precisa ser levado em conta é a perda de citações dos candidatos com a entrada de Almeida.

Compare os dois cenários. Almeda tira 5,7 pontos percentuais das citações de JHC, 2,9 de Ronaldo, 0,9 de Gaspar e 0,6 de Davi.

Em tese, os votos menos consolidados são os de JHC e Ronaldo Lessa. Ambos perdem cerca de 20% do eleitorado quando o nome de Cícero Almeida é citado. Diferente de Gaspar e Davi, que mantém números praticamente iguais nos dois cenários.

Outro ponto importante que deve ser lembrado: JHC e Ronaldo são os candidatos mais conhecidos em Maceió. Ou seja, o potencial de crescimento é menor. Davi e Gaspar, dos quatro, são os menos conhecidos e teriam um “teto” mais alto.

Isto sem falar na rejeição, fator importante na “leitura” de uma pesquisa. Os líderes neste quesito são Ronaldo Lessa (12,3%), Cícero Almeida (11%), JHC (5,7%), Davi Filho (2,5%) e Alfredo Gaspar (2%).

Outro detalhe é o número de indecisos, acima de 17%. Seria segundo lugar se fosse um candidato – o que revela um jogo muito aberto.

Assim, avalio que quem acertar no “sentimento” da população pós-pandemia terá mais chances de ser o novo prefeito de Maceió. E não precisa ser necessariamente nenhum destes quatro.

De resto, vamos à pesquisa.

Cenário geral:  JHC (PSB) 26,8%; Alfredo Gaspar (MDB) 16,2%; Ronaldo Lessa (PDT) 14,2%; Davi Filho (PP) 9,8%; Cícero Filho (PC do B) 1,0%; Flávio Moreno (PSL) 0,5%; Ricardo Barbosa (PT) 0,5%; Ricardo Santa Rita (Avante) 0,2%; Basile Christopoulos (PSOL) 0,2%; Brancos/Nulos 14,1% e Indecisos 16,7%.

Cenário 1:  JHC (PSB) 21,1% ; Alfredo Gaspar (MDB) 15,3%, Ronaldo Lessa (PDT) 11,3%, Cícero Almeida (DC) 9,3%, Davi Filho (PP) 9,2%, Cícero Filho (PC do B) 0,2%; Flávio Moreno (PSL) 0,3%; Ricardo Barbosa (PT) 0,5%; Ricardo Santa Rita (Avante) 0,2%; Basile Christopoulos (PSOL) 0,2%; Tacio Melo (Podemos) 0,2%; Brancos/Nulos 14,9% e Indecisos 17,3%.

Cenário 2 :JHC (PSB) 27% ; Alfredo Gaspar (MDB) 17%, Ronaldo Lessa (PDT) 15%, Davi Filho (PP) 11%, Brancos/Nulos 16% e Indecisos 14%.

A pesquisa

A TDL Pesquisa e Marketing entrevistou 800 pessoas em Maceió, de 23 a 25 de julho e está registrada na Justiça Eleitoral, com o número AL04269/2020. A margem de erro é de 3,47%, para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%.

 

  

COMENTÁRIOS
3

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Breno Oliveira

    Como se ver no cenário os 4 postulantes tem chances de chegar na disputa de um segundo turno, mas dentre eles a tendência é mesmo o Gaspar e Davino crescer e JHC estabilizar ou cair e Ronaldo nem decolar.

  2. Tony

    Se essa mesma pesquisa fosse realizada antes da divulgação dos apoios dos atuais governantes de Alagoas e Maceió, Alfredo Gaspar teria mais de 70% das intenções de votos. Após a divulgação do apoio de Renan Filho e Rui Palmeira, Alfredo Gaspar consegue apenas 16,2% das intenções de votos. Queda rápida para quem no inicio era considerado o já prefeito de Maceió. POR QUE SERÁ?

Comments are closed.