Alagoas terá 2,21 milhões de eleitores em 2020, diz TSE
   11 de agosto de 2020   │     0:12  │  0

A cada três habitantes de Alagoas, dois estão aptos a votar nas eleições deste ano. É o que revelam as estatísticas do eleitorado, divulgadas pelo Tribunal Superior Eleitoral, na última semana.

O TSE disponibiliza em sua página dados sobre o perfil do eleitorado brasileiro que está apto a ir às urnas no 1º turno das eleições para prefeitos e vereadores.

Em todo o país, são 147.918.483 eleitores ou 2,66% a mais do que os 144.088.912 aptos a votar nas eleições municipais de 2016. Do total, 47,5% são eleitores masculinos e 52,5% femininos.

Em Alagoas, com população estimada em 3.337.357 habitantes (IBGE 2019), o número de pessoas aptas a votar este ano é de 2.219.318 de eleitores. A maioria é feminina. São 1.182.758 eleitoras ou 53,3% do total. O voto masculino representa 46,7% ou 1.036.560 de todo eleitorado alagoano.

O total de eleitores de Alagoas em 2020 aumentou 3,39% na comparação com as eleições municipais de 2016, quando 2.146.520 habitantes do Estado estavam aptos a votar. Nas eleições de 2018, para efeito de comparação, Alagoas tinha 2.187.967 eleitores.

Na maioria dos municípios alagoanos, o eleitorado cresceu proporcionalmente ao Estado. Em algumas cidades, a exemplo de Penedo, o total de pessoas aptas a votar diminuiu (-0,37). Em outras, o crescimento foi acima da média. É o caso de Rio Largo, que terá no pleito deste ano 57.632 eleitores, em crescimento de 10,14% na comparação com os 52.328 eleitores de 2016.

Maceió e Arapiraca

A capital de Alagoas terá nas eleições deste ano 592.388 eleitores. O crescimento na comparação com as eleições de 2016, quando 579.962 moradores de Maceió estavam aptos a votar é de 2,14%, um desempenho abaixo da média do Estado. Para se ter uma ideia, o município teve mais eleitores (595.514) em 2018.

Em Maceió, apenas 58% da população estimada em 1,018 milhão de habitantes (IBGE 2019), está apta a votar. Em contrapartida, cidades da região metropolitana, a exemplo de Rio Largo e Marechal Deodoro, tem mais de 70% de eleitores se comparado com a população. Essa diferença pode apontar para uma tradição de muitos alagoanos, que passam a morar na capital, mas continuam votando no interior, principalmente se os municípios forem mais próximos.

A capital do agreste continua aumentando proporcionalmente seu eleitoral acima da média alagoana. Em 2020, Arapiraca terá 143.187 moradores aptos a votar, uma variação de 5,29% na comparação com 2016, quando a cidade tinha 135.998 eleitores.

Fora Maceió, Arapiraca e Rio Largo, apenas uma cidade de Alagoas terá mais de 50 mil eleitores no pleito deste ano. Pela primeira vez, Palmeira dos índios atinge essa faixa do eleitorado numa eleição municipal. Em 2016 eram 49.320 eleitores na cidade. Agora são 50.805, um crescimento de 3,01% no período

Tem mais

Depois volto com mais informações sobre o perfil do eleitoral e com uma tabela completa sobre o eleitorado de todos os municípios alagoanos.