JHC deve mudar um dos mais importantes nomes da sua equipe nos próximos dias
   3 de novembro de 2021   │     21:46  │  1

Raramente um prefeito, governador ou presidente começa e termina a gestão com o mesmo time. Desde maio, JHC já mudou três secretários. Quem abriu a fila foi Pedro Madeiro (Saúde). Na sequência, foi a vez de Ricardinho Santa Ritta deixar a Secretaria de Turismo e Nemer Barros Souza Ibrahim (Infraestrutura).

O próximo a deixar a gestão – mas não o grupo – deve ser Francisco Salles, um dos mais importantes nomes da equipe de JHC.

Salles teve papel importante na eleição do prefeito e atuou diretamente na construção da bancada de JHC e eleição da mesa diretora da Câmara de Vereadores de Maceió. E, tudo indica, vai deixar o comando da Secretaria Municipal de Governo de Maceió nos próximos dias.

Vereador eleito pelo PSB, vai retomar o mandato na Câmara Municipal de Maceió. Cleber Costa, primeiro suplente do partido, perde a vaga e pode ser convocado para assumir algum cargo na prefeitura de Maceió.

Quem deve assumir a Secretaria de Governo no lugar de Salles é Ivan Carvalho, que foi chefe de gabinete de JHC (PSC) na Câmara Federal e permaneceu no cargo com o deputado federal Pedro Vilela (PSDB).

Crédito: Por último, mas não menos importante, as informações sobre a saída de Salles e a entrada de Ivan Carvalho foram antecipadas pelo jornalista Wadson Régis.

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Observador Atento.

    O prefeito JHC, se realmente tiver pretensão de sair candidato ao Governo de Alagoas vai precisar mudar muitos dos seus atuais auxiliares, principalmente no primeiro e segundo escalão. Estive em várias Secretarias da Prefeitura de Maceió e constatei a insatisfação generalizada de servidores públicos municipais com a falta de condições mínimas para desenvolverem suas atividades funcionais. Falta tudo para a execução dos serviços, mas do outro lado, gasta-se com o desnecessário, como a locação de veículos para secretários, chefes de gabinete, chefes de setores, diretores, entre outros, que usufrui de veículos locados com dinheiro público de domingo a domingo, as 24 horas do dia. Enquanto isso, falta até papel outros produtos de pequeno valor, mas que são essenciais nas Secretarias.

    Uma visita surpresa pode constatar o que aqui falei.

Comments are closed.