Collor tem “longa conversa” com presidente do PL
   18 de novembro de 2021   │     19:18  │  0

O senador Fernando Collor (PROS) pode acompanhar o presidente Jair Bolsonaro na provável e esperada filiação ao Partido Liberal, o PL.

Nessa terça-feira (16/11), Collor teve uma “longa conversa” com o presidente nacional do PL, Valdemar da Costa Neto, durante almoço na sede do partido, em Brasília.

No encontro – anote aí – os dois conversaram sobre a filiação do senador ao partido. Collor deve sair do PROS e ficar mais próximo da base de apoio de Bolsonaro.

Em Alagoas, o diretório do PL é provisório. O presidente do partido, o ex-ministro e secretário estadual de Infraestrutura, Maurício Quintella, já avisou a vários aliados que deixará o partido se confirmada a filiação do presidente Jair Bolsonaro.

Nessa quarta-feira, todos os diretórios estaduais do PL deram carta branca para Valdemar Costa Neto articular a filiação de Bolsonaro – o que implicará em mudanças e realinhamentos da legenda em Alagoas.

O PL tem em seus quadros o deputado federal Sérgio Toledo, que trabalha para montar uma chapa para a Câmara dos Deputados.

Uma possível filiação ao PL pode fortalecer o projeto de reeleição do senador Collor. O partido é um dos maiores do país hoje, com uma bancada de 43 deputados, a terceira maior da Câmara dos Deputados, atrás apenas de PSL e PT, ambos com 53 parlamentares.

Carta Branca

Os presidentes dos diretórios regionais do PL se reuniram na quarta-feira (17/11) e deram “carta branca” ao presidente nacional da legenda, Valdemar Costa Neto, para acertar com Jair Bolsonaro os termos de sua filiação.

Saiba mais aqui:  PL dá carta branca para Valdemar Costa Neto acertar filiação com Bolsonaro