Moro já tem palanque em Alagoas: deputado assume comando do Podemos no Estado
   25 de novembro de 2021   │     19:40  │  1

Os movimentos partidários tendem a se intensificar, a partir de agora, em função do calendário eleitoral.

Nas últimas semanas várias legendas passaram por mudanças no Estado. Agora chegou a vez do Podemos, da deputada federal Renata Abreu (MG) e do pré-candidato a presidente Ségio Moro.

O ex-ministro garantiu seu palanque no Estado com a confirmação da filiação do deputado federal Severino Pessoa (Republicanos) e da ex-prefeita de Arapiraca, Fabiana Pessoa ao partido.

O deputado federal, por conta da legislação, só deve se filiar em março. Fabiana, no entanto, já assinou a ficha de filiação e deve assumir o comando da legenda.

A ida de Severino Pessoa se dá após o mal estar gerado no Republicanos. O partido agora está sob o comando do deputado estadual Antônio Albuquerque (PTB).

Pessoa anunciou a filiação com direito a foto ao lado de Renata e de Sérgio Moro. O deputado avisa que o projeto é montar uma chapa de estadual, “sem ninguém de mandato” e outra de federal. Ele deve concorrer a reeleição e Fabiana vai trabalhar para chegar a Assembleia Legislativa de Alagoas.

No cenário local, o objetivo é garantir o palanque para o pré-candidato do partido a presidente. “Vamos com Moro”, avisa Severino Pessoa.

Recepção

O ex-ministro saudou a chegada de Severino e Fabiana ao partido. “O ato de hoje representa o projeto que queremos para o Brasil. Um projeto com ideias, mas acima de tudo com pessoas de credibilidade. Aqui temos uma síntese da nossa proposta. O Podemos ganha muito”, afirmou Sergio Moro .

O líder do partido na Câmara, deputado federal Igor Timo (MG), disse que as novas filiações demonstram a força política do Podemos, e que o partido tem os melhores nomes para 2022. “Não há que se falar em terceira via. Somos a melhor e única via para o futuro Brasil”, ressaltou.

Dança das cadeiras

Vamos relembrar os partidos que já trocaram de comando em Alagoas este ano? Republicanos e Solidariedade foram para o grupo de Albuquerque; PTB e PTC para o grupo de Collor; PROS para o comando do “mago das coligações”, Adeilson Bezerra. O PSD segue sob o comando de Marx Beltrão, mas com o reforço de Rui Palmeira. Novas mudanças devem ser anunciadas até a próxima semana. Aguardem.

Sérgio Moro, Renata Abreu e Severino Pessoa, em Brasília

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Julio Silva barbosa

    Quero me inscr3ver no partido podemos para estar com Moro. Preciso saber quem são os políticos alagoanos que fazem parte desse partido e onde fica a Sede.

Comments are closed.