Rodrigo Cunha pode apoiar candidatura de Moro a presidência
   6 de dezembro de 2021   │     1:03  │  3

Se depender do time de campanha Rodrigo Cunha – e dele próprio – o PSDB deve evoluir para uma composição com o pré-candidato do Podemos à presidência da República.

O senador apoiou o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, nas prévias do partido, encerradas no dia 27 de novembro.

“Para Rodrigo Cunha, o PSDB precisa fortalecer uma alternativa na terceira via. O Dória ganhou por margem apertadas as prévias e terá dificuldades de consolidar sua pré-candidatura. O senador, como dirigente partidário, vai esperar o momento certo para se manifestar. Mas quem o conhece sabe que ele prefere mais um candidato com o perfil do Moro, do que do Dória”, aponta um conhecido interlocutor, que participa da coordenação da pré-campanha de Cunha ao governo.

Rodrigo deve trabalhar dentro do ninho tucano para uma composição com o ex-ministro da Justiça. Mas fará isso de forma discreta. Até porque a prioridade dele segue em trabalhar para consolidar seu nome ao governo. Nos últimos dias deu um passo importante ao confirmar o apoio de JHC, que não deve ser candidato ao Palácio dos Palmares. Mas essa é outra história.

Sérgio Moro e Rodrigo Cunha (reprodução do Instagram de Rodrigo Cunha)

Combate a corrupção

Nas redes sociais, Rodrigo Cunha lamentou, a saída de Moro do governo, no ano passado. Veja as declarações do senador, à época.

“Como juiz, Sérgio Moro mudou o patamar no combate à corrupção no país. No governo, tornou-se símbolo de que a intolerância aos desmandos e aos crimes de colarinho branco seria o norte da atuação do Ministério da Justiça. Poucos dias antes do início da pandemia, conversamos para tratar da criação da primeira delegacia especializada no combate à corrupção de Alagoas, para a qual destinei recursos. Moro deu total apoio a essa iniciativa. Sua saída do governo num momento em que não podemos descuidar da grave chaga da imoralidade na política e no setor privado é lamentável.”

COMENTÁRIOS
3

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Quem sabe um dia o povo acorda.

    Ainda existe alguém que creia em opostos na política? Veja a política como uma imagem refletida num espelho. O que realmente será a sua simetria esquerda, se não for o seu lado direito e o oposto tem a mesma validade. Esta é a composição das coisas uma tecnologia disfarçada de antagonismo para iludir os que ainda dormem.

  2. Interiorano

    Vá querer entender a política! Em 29/11/2021, o artigo era “Rodrigo anuncia apoio a Dória”! Em 06/12/2021, o artigo é “Rodrigo Cunha” pode apoiar a candidatura de Moro a presidência”! E aí, outra contradição : O PSDB sempre foi oposição ao PT e vice versa! Agora, só se fala numa composição Lula e Alckmin, provavelmente, com o apoio de outros Pessedebistas!

Comments are closed.