Em encontro com JHC, prefeito discute formação de “frente ampla” para o governo
   10 de janeiro de 2022   │     10:08  │  1

O prefeito de Maceió segue liderando as pesquisas. Se a eleição fosse hoje, João Henrique Caldas (PSB) seria favorito numa eventual disputa ao governo do Estado, especialmente pelas intenções de voto que tem na região metropolitana.

JHC só deve decidir em março se deixa ou não a prefeitura, mas vem dando sinais de que pretende ficar onde está.

Como prefeito, “J” será um dos eleitores mais disputados do Estado e terá papel importante no processo eleitoral.

A permanência no PSB, que avança na formação de uma federação partidária com o PT, PV, PC do B, entre outras legendas, pode levar JHC a liderar a formação de uma “frente ampla” em Alagoas.

Essa, ao menos, é a avaliação do prefeito de Pilar. Pré-candidato ao governo, Renato Filho (PSC), teve uma longa conversa na semana passada com João Henrique.

Os dois falaram sobre problemas comuns as cidades que integram a região metropolitana, compartilharam algumas experiências e ficaram de aprofundar a discussão sobre projetos considerados importantes, que estão executados em Maceió e Pilar – CNH Social, compra de alimentos da agricultura familiar para a merenda escolar (como manda a lei, embora a maioria dos municípios não cumpra), entre várias outras experiências, especialmente na área social.

Filiado ao PSC, que também pode integrar a federação com o PT, Renato Filho também falou com JHC de política e admitiu participar de uma “frente ampla”, a partir da formação da federação.

Os dois já acertaram trabalhar em parceria para melhorar a gestão de alguns projetos tocados nas duas cidades.

E deixaram aberta a possibilidade de aliança política e eleitoral. Mas essa é outra história.

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Dirceu

    O eleitor votou em JHC acreditando numa real mudança administrativa, mas continua tudo como antes na Prefeitura de Maceió. O que realmente mudou foram os “cabeças” das secretarias, mas os antigos deixaram seus pupilos para ensinar à nova gestão como fazer caixa dois sem serem importunados pelos órgãos de defesa do patrimônio publico. Ministério Público, Tribuna de Contas são meros expectadores das falcatruas de secretários e superintendentes da Prefeitura de Maceió, com a conveniência do prefeito JHC e do vice-prefeito Ronaldo Lessa.

Comments are closed.