Rodrigo Cunha não assina CPI do MEC e “frustra” oposição
   8 de abril de 2022   │     13:10  │  0

Líder da Oposição no Senado, Randolfe Rodrigues (REDE/AP) anunciou que conseguiu, na manhã desta sexta-feira (08/04), as 27 assinaturas necessárias para pedir a abertura da CPI do MEC, com o objetivo de apurar denúncias no Ministério da Educação.

O 27o senador a assinar o pedido de CPI foi Veneziano Vital do Rêgo (MDB-AP), mas poderia ter sido o senador Rodrigo Cunha, que deixou o PSDB para se filiar, na semana passada ao União Brasil, a convite do presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP).

Rodrigues confessou frustração com a “enfática negativa” de Rodrigo Cunha. O senador alagoano, que era tido como de oposição se recusou a assinar, segundo revelou Randolfe a interlocutores.