Cidadania x PSDB: candidatura de Régis Cavalcante pode ser decida na nacional
   18 de maio de 2022   │     15:43  │  0

Ex-deputado federal, o jornalista Régis Cavalcante (Cidadania) não só mantém a pré-candidatura ao governo de Alagoas, como seu partido está disposto a recorrer ao conselho nacional da Federação PSDB/Cidadania para garantir sua participação nas eleições deste ano.

Se houver veto do conselho estadual da federação partidária, que terá maioria do PSDB em Alagoas, o presidente do Cidadania no Estado, Juca Carvalho, pretende recorrer a nacional.

Carvalho considera que a federação foi prejudicada politicamente em Alagoas pelo ex-presidente do PSDB, senador Rodrigo Cunha (atualmente no União Brasil).

Na avaliação dele, Cunha i/teria inviabilizado a chapa de estadual ao vetar a participação de alguns nomes, a exemplo do deputado estadual Marcos Barbosa, e também a chapa de deputado federal.

Em meio a esse cenário, o Cidadania aposta na pré-candidatura de Régis Cavalcante como alternativa para dar visibilidade à federação em Alagoas. E, se houver resistência no conselho local, a questão será levada para o conselho nacional da federação.

Quem decide

Em cada Estado a federação terá um conselho formado pelos dois partidos. Pelo critério nacional, o PSDB de Alagoas terá maioria nesse conselho. E a tendência do partido em Alagoas, seria de optar por participar da coligação com União Brasil, em apoio a Rodrigo Cunha.

O presidente do PSDB em Alagoas, deputado Pedro Vilela disse, em recente declaração ao blog, que a questão será discutida no momento apropriado. Vilela trabalha com a perspectiva de que o seu partido – e por tabela a federação – terá chapas proporcionais e participação na majoritária. Mas essa é outra história.