Category Archives: Sem categoria

As duas decisões de Collor que mudaram os rumos das eleições em AL
   15 de setembro de 2018   │     19:42  │  1

Não é segredo para ninguém. O grupo de oposição não tinha candidato competitivo ao governo. O primeiro a desistir foi prefeito Rui Palmeira (PSDB). O deputado estadual Rodrigo Cunha (PSDB) teve o nome lançado à disputa, mas saiu pela tangente.

Em busca de um nome, lideranças do grupo convenceram o senador Fernando Collor (PTC) às vésperas da convenção.

O lançamento da candidatura de Collor, no dia 5 de agosto, mudou a campanha, enriqueceu o debate e deu à oposição o palanque que ela tanto queria.

Como reflexo, o governador Renan Filho (MDB), candidato à reeleição mudou visivelmente sua estratégia eleitoral.

Na primeira pesquisa Ibope divulgada apenas 10 dias após a convenção, em 15 de agosto, Collor apareceu com 22%, mostrando que estava na disputa.

O que se esperava, a partir dali, era que o grupo de oposição cumprisse o prometido: unir forças em torno de um só palanque. Não foi o que se viu. Prefeitos dos partidos de oposição, especialmente PP e PSDB esvaziaram o palanque de Collor e do senador Benedito de Lira (PP). O PSDB não só fez corpo mole, como alguns dos seus candidatos trabalharam para enfraquecer as candidaturas de Collor e Biu.

Nos últimos dias, a falta de unidade se tornou mais visível.

A decisão que Collor tomou nessa sexta-feira, quando anunciou sua desistência da disputa pelo governo, segundo alguns dos seus amigos mais próximos, não poderia ter sido outra.

“Com a história que ele tem, não poderia continuar. Não houve reciprocidade. Collor foi convidado para liderar um projeto que enriqueceria o debate, dando ao alagoano uma alternativa viável de escolha. No entanto, muitos daqueles que pediram que Collor fosse candidato, desapareceram durante a campanha”, relata um amigo do senador.

Assim como a decisão do dia 5 de agosto, quando aceitou ser candidato, Collor muda novamente o rumo das eleições em Alagoas ao retirar sua candidatura. O governador Renan Filho (MDB), que já aparecia como favorito no início da campanha, terá muito provavelmente uma eleição tranquila.

A oposição terá até esta segunda-feira, 17, para apresentar um nome e dificilmente conseguirá encontrar um candidato competitivo.

Mas se a eleição para o governo esfria de um lado, a disputa para o Senado deve esquentar ainda mais. A disputa pelas duas vagas será ainda mais dura. Mas, essa é outra história.

Adeus meu pai, adeus!
   22 de agosto de 2018   │     20:50  │  20

A Deus entrego tua alma. Ao chão, deixo teu corpo. Adeus meu pai. De alguma forma ainda haveremos de nos encontrar.

Agora mesmo você vive em minhas lembranças.

Uma memória que vai além do tempo, que viaja por momentos que marcaram a tua vida e a minha.

Quanto orgulho, meu pai, de vê-lo atendendo os clientes no Banco do Estado de Alagoas (BEA), depois Produban.

Ainda menino adorava passar na agência, no Centro de Delmiro Gouveia (onde hoje é a Caixa). Entrava, só por entrar. Só pra te ver trabalhando.

E depois, um novo concurso, um novo emprego. Chefe de setor no INPS (hoje INSS). Como eu gostava de ir lá com uma desculpa qualquer só para ser paparicado por toda aquela turma, teus amigos que certamente sentirão muitas saudades tuas.

Quanto orgulho do Edivaldo autodidata, que aprendeu a falar francês, que tocava violão, que virou tradutor de inglês para engenheiros que foram montar máquinas na Companhia Agrofabril Mercantil (depois viraria Fábrica da pedra).

Quanto orgulho do Edivaldo que nunca cansou de aprender, que fazia cursos por correspondência, que aprendeu contabilidade, técnico de refrigeração, técnico de eletrônica, estudioso da bíblia, que construiu a própria casa (literalmente), trabalhando em meio a pedreiros e carregando pedras… um homem que aprendeu a tocar saxfone apenas para poder louvar melhor ao Senhor.

E que sempre trabalhava e trabalhava e trabalhava.

Meu pai, meu primeiro chefe.  Juntou as economias e abriu a Eletrônica Real, a primeira da região. Trabalhei lá, carteira assinada, ainda adolescente. Era assim que ele era. Tudo certo, na lei, até dentro de casa. E mais do que isso, um grande coração e sempre uma mão estendida,.pronta para ajudar.

E lá se vão quase 40 anos.

Meu pai, teimoso, que resistiu até não poder mais para fechar de vez as portas do antigo comércio.

Meu pai, meu professor de inglês no velho Ginásio Vicente Lacerda de Menezes.

Meu pai, meu professor na vida.

Alguns puxões de orelha e muitos conselhos. E dos bons. Não segui todos, é verdade. Mas sei que não te decepcionei. Ainda assim te peço que perdoe minhas faltas.

Desde que sai de tua casa, meu pai (e lá se vão uns bons 37 anos) você continuou a ser o que era. Um homem dedicado à família, um homem de fé, mas principalmente um homem que amava trabalhar todos os dias. Todos os dias!

Hoje meu pai, tua luta terminou.

Descanse! Vá em paz!

 

PS.: saiba que te amo meu pai e que jamais te esquecerei.

Nota de falecimento
     │     10:36  │  2

Prezados, comunico com pesar que meu pai, Edivaldo Rodrigues Cavalcanti, 77 anos, faleceu na noite desta terça-feira, 21 de agosto, em Maceió, onde estava internado desde o dia 28 de julho.

Ele foi transferido para o HGE, vindo do Hospital Regional de Delmiro Gouveia, após um edema cerebral. Foi submetido a duas cirurgias, teve tratamento adequado e ficou todo esse período na UTI.

Lutamos muito nos últimos dias.

Agradeço a toda a equipe do HGE, médicos, enfermeiros, a todo o pessoal de apoio e a doutora Marta Medeiros.

O sepultamento será nesta quarta-feira, 22, às 17H no Cemitério de Delmiro Gouveia.

Conto com as orações e apoio de todos.

Carimbão antecipa quantos candidatos cada chapa elegerá para estadual
   19 de agosto de 2018   │     0:11  │  1

O eleitor tem a palavra final. É ele quem decide. Tentar saber como será o voto é tarefa não só para institutos de pesquisa. Quem tem “faro” consegue decifrar tendências e antecipar resultados, a partir do contato direto com a população e da avaliação da estrutura de campanha dos candidatos.

Com estrada na política, o deputado federal Givaldo Carimbão (Avante) promete antecipar, no final deste mês a relação dos prováveis eleitos para a Assembleia Legislativa de Alagoas nas eleições deste ano.

São 27 vagas. E carimbão promete antecipar a lista de eleitos com uma margem mínima de erro. “Vou apresentar 30 nomes e depois você pode conferir. Os 27 deputados sairão desta lista”, promete

Para formar a lista, Carimbão está primeiro definindo quantos deputados cada coligação deve eleger. Depois, ele vai apontar os prováveis nomes de cada coligação.

No levantamento inicial, Carimbão avalia cada coligação:

– Avança Mais Alagoas 2 (MDB/ SD/ PR/ PTB/ PHS/ PSD/ PMB/ PRP) deve eleger de 10 a 11 estaduais

– Alagoas Com o Povo 1 (DEM / PTC / PSDB / PP / PSB / PSC / PROS / PRB) deve eleger de 6 a 7 deputados;

– Avança Alagoas (PDT, PMN, Avante, PODE) deve fazer de 3 a 4 estaduais;

– Alagoas Que O Povo Quer (PCdoB/ PT/ PV), deve eleger de 1 a 2

– Círculo Democrático (PRTB, PPS, DC), deve eleger de 4 a 5

– Muda Alagoas de Verdade (PSL, PATRI, PPL), deve eleger de 0 a 1

O quociente eleitoral para a eleição de um deputado estadual nas eleições deste ano em Alagoas deve ficar entre 55 mil e 60 mil votos. Para fazer o primeiro deputado uma chapa precisa atingir o quociente. Nesta eleição, a coligação que não atingir o quociente tem direito a disputar vagas nas sobras.

As demais coligações, segundo avaliação de Carimbão, não devem eleger estaduais. A diferença de cálculo de vagas vai depender das “sobras” de cada chapa.

Em breve volto com a lista dos candidatos de cada coligação.

Ziane Costa define que será candidata a deputada estadual
   15 de agosto de 2018   │     15:56  │  0

O ex-prefeito de Delmiro Gouveia, Lula Cabeleira, não será candidato a deputado estadual nas eleições deste ano, embora seu nome tenha sido homologado na convenção do MDB. Quem vai disputar é a filha dele, Eliziane Ferreira Costa, Ziane Costa.

Ela comunicou a decisão em reunião com o presidente do MDB em Alagoas, senador Renan Calheiros, nessa terça-feira, 14, antes de apresentar a documentação para registro de sua candidatura.

Ziane já foi vice-prefeita de Delmiro Gouveia e deputada estadual, tendo assumido inclusive a presidência da Assembleia Legislativa.