“Comunista”, nordestino, pardo e competente; Podem reclamar, mas Dino fará diferença no STF
   29 de novembro de 2023   │     0:52  │  2

A mais alta Corte de Justiça do país tem, no cenário de hoje, apenas um Nordestino. Em breve, terá outro. E não será outro qualquer. Dono de uma carreira com passagem pelos três poderes, o ex-juiz federal Flávio Dino, irritou a direita com sua indicação para o STF. Natural.

A mesma direita que calou ante a indicação de Kassio Nunes, reage chamando-o de comunista. Isso deve soar como música para os ouvidos dele e do presidente Lula. Já era hora do STF ter um ministro de esquerda.

E o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ao que parece, em fase mais pragmática nas indicações para as cortes federais de Justiça conseguiu atender a quem interessava. E ponto final.

Dino fez diferença no governo do Maranhão, onde deixa saudades, na Esplanada dos Ministérios e certamente será um ministro qualquer da Suprema Corte. Quanto a sua trajetória, especialmente no mundo jurídico, podem dizer tudo dele, menos que não é competente.

Por aqui, nas Alagoas, a repercussão foi dentro do esperado. Entre manifestações de apoio, até o momento o governador do Estado, Paulo Dantas e o senador Renan Calheiros. Já o deputado federal Alfredo Gaspar, que assume cada vez mais o papel de líder da direita no Estado, condenou a indicação.

Dino certamente deve se divertir com todas estas críticas. E certamente, o nordestino do Maranhão, não terá problemas em lidar com “ataques verbais” na sua (provável) futura atuação na Corte.

Veja as reações

Alfredo Gaspar:

“Pobre Brasil, sempre descendo um degrau a mais na esperança do povo. O comunista Flávio Dino no STF é uma afronta à imparcialidade e ao bom senso. Esse comunista não deveria ter cadeira no STF, mas é assim que o atual governo trabalha com o futuro da nação”,

Cabo Bebeto:

“Se o Flávio Dino virar ministro do STF, o Alexandre de Moraes será fichinha. Um ministro da Justiça, comunista, que não tem controle da pasta, que acumula polêmicas e permite que sua equipe atenda mulher de bandido. Sem condições”, disse Bebeto.

Paulo Dantas

“Sua trajetória e incansável defesa da democracia te diplomam para exercer a mais alta magistratura do Brasil. Tenho certeza que a corte Suprema terá um dos homens mais íntegros do país”.

Renan Calheiros

“Paulo Gonet e Flávio Dino atendem aos requisitos legais, além de terem espírito público e competência. Espero que ambos sigam atuando no fortalecimento da democracia, da institucionalidade e na defesa da separação entre os poderes”.

Sudeste tem 7 dos 11 ministros do STF

Três Estados do Sudeste tem, hoje, 7 ministros no STF. Outros três são um de cada região: NE. Sul e Centro Oeste. Hoje a composição do STF é a seguinte: 2 RJ, 1 MG, 1 MT, 1 RS, 4 SP e 1 PI. Com a indicação do “comunista” pardo e nordestino, a região deverá ganhar um segundo representante.

Veja a lista:

Luís Roberto Barroso (presidente) – Nascido em Vassouras (RJ). Indicado por Dilma Rousseff (PT)

Luiz Fux. Nascido na cidade do Rio de Janeiro. Indicado por Dilma Rousseff (PT).

Cármen Lúcia. Nascida em Montes Claros (MG). Indicada por Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Gilmar Mendes. Nascido em Diamantino (MT). Indicado por Fernando Henrique Cardoso (PSDB).

Edson Fachin (vice-presidente). Nascido em Rondinha (RS). Indicado por Dilma Rousseff (PT).

Dias Toffoli. Nascido em Marília (SP). Indicado por Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Alexandre de Moraes. Nascido em São Paulo (SP). Indicado por Michel Temer (MDB).

Kassio Nunes Marques. Nascido em Teresina (PI). Indicado por Jair Bolsonaro (PL).

André Mendonça. Nascido em Santos (SP). Indicado por Jair Bolsonaro (PL).

Cristiano Zanin. Nascido em Piracicaba (SP). Indicado por Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

COMENTÁRIOS
2

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Há Lagoas

    Não se pode negar que o referido ministro da justiça tem o notável saber jurídico, entretanto, sua indicação é política, divergir disso é faltar com a verdade. Ter um ministro que compactua ideologicamente com o atual presidente – e para além disso – um fiel escudeiro para o palácio do planalto no STF, é algo primordial. É só lembrar que no passado recente, “nosso” presidente esteve preso… Mas é interessante observar que as feministas de plantão, foram colocadas de lado, com mais um homem sendo escolhido pelo presidente que defende a paridade de gênero. Lula III ainda trará muitas novidades…

  2. Renato silva

    Maranhão tem saudades de Dino só na sua cabeça o cara acabou com a segurança no estado olha o índice do Maranhão na gestão de Flávio Dino um verdadeiro terrorista e receber elogio de Renan Calheiros deve ser uma piada ,o mais saqueador do Brasil.

Comments are closed.